8.5 Maneiras De Se Ganhar Dinheiro Na Internet (de Verdade)

8 Maneiras De Se Ganahr Dinheiro Na InternetAqui neste post vou descrever alguns dos métodos e tipos de empreendimentos digitais mais conhecidos e pelos quais você pode talvez ter uma ideia para montar o seu próprio negócio e ganhar dinheiro na internet trabalhando em casa.

* Assustou com o título? Não se preocupe pois aqui não vou mostrar nenhum bixo de sete-cabeças, mas só queria fugir de tantos outros sites que prometem dinheiro fácil, rápido, sem trabalho e ainda lhe ensinam a voar em menos de 14 dias.

Estas ideias empreendedoras descritas abaixo não são as únicas formas de se ganhar dinheiro na internet existentes, mas com certeza aqui englobo a maioria dos tipos existentes. Use isto mais como um guia para tentar descobrir se o seu empreendimento atual tem o potencial para se encaixar em algum destes modelos para que se torne um negócio na internet lucrativo e de qualidade.

Índice do Conteúdo

1. Afiliados e Anúncios

2. Infoprodutos

3. Software

4. Serviços

5. Sites de Membros

6. E-Commerce

7. Freelancer

8. Consultoria

8.5  [segredo]

Aqui apresento também alguns negócios que requerem pouco investimento e outros que vão requerer um investimento um pouco maior. Leve em conta também que as vezes algumas das ideias para negócios que descrevo aqui vão sim requerer um investimento inicial, mas este não é monetário e sim de tempo e suor – o que temos de sobra não é mesmo!? Winking smile

Um exemplo de empreendimento de baixo custo inicial são os chamados infoprodutos. Com as diversas ferramentas online gratuitas hoje é bem fácil se criar um infoproduto do ponto de vista técnico; claro que você ainda precisa do conhecimento do assunto e de como fazer o marketing do seu produto.

Mas vamos continuar com o artigo que você com certeza verá muitas outras novas opções de negócios que podem lhe atrair.

1. Afiliados e Anúncios (CPA/CPC)

Em outros posts aqui do blog, como fazer dinheiro na internet e como começar o seu empreendimento online, falei um pouco sobre como o mercado de afiliados e anúncios funciona e este com certeza é uma bela forma de se ganhar dinheiro na internet. Especialmente para quem está começando.

Se engatinhar seria descobrir que podemos ter nosso empreendimento para ganharmos dinheiro online é possível e correr fosse temos nossos empreendimentos inteiros na web com produtos próprios, então o mercado de afiliados e anúncios seria o caminhar.

Afiliados e anúncios são um meio-termo entre estar começando e ter o seu empreendimento e produto próprio na web.

Basicamente neste modelo de negócios na web você estaria criando um site onde colocaria anúncios e patrocínios de produtos que outras pessoas produziram em troca de uma leve comissão quando estas pessoas clicarem em algum dos seus anúncios (CPC – Custo Por Clique) ou comprarem algo (CPA – Custo Por Ação).

2. Infoprodutos

InfoprodutosAh sim, infoprodutos! Esse com certeza é uma das melhores alternativas e uma grande opção para aqueles que desejam ganhar dinheiro na internet.

É também a alternativa que eu mais recomendo em meu curso.

Por que?

Por diversos motivos, mas alguns dos mais óbvios são:

  • Baixo custo de produção: o fato de você ter um custo de produção baixíssimo que dependendo pode até ser zero (fora o tempo que você tem que gastar em cima para criar o seu e-book, você praticamente não tem custo devido a imensa quantidade de ferramentas gratuitas que hoje fazem publicar o seu e-book muito fácil);
  • Baixo custo para distribuição: coloque seu e-book associado a um carrinho de compras oferecido por alguma das empresas que prestam esse serviço ou hospede em seu host e pronto! Você agora só precisa atrair tráfego e quando as pessoas comprarem, elas terão acesso imediato ao seu produto sem você se preocupar com mais nada;
  • Difícil de replicar: um exemplo que vi uma vez no livro “A semana de 4 horas de trabalho” do autor Tim Ferris, é o caso dos últimos tênis Nike ou o último modelo do *INSIRA PRODUTO DE MARCA FAMOSA AQUI* ser copiado até os últimos detalhes e postos a venda em menos de uma semana depois se sua primeira aparição nos Estados Unidos.

Não que você tenha que se preocupar tanto com esse tipo de coisa, mas infoprodutos são difíceis de replicar (eu digo no sentido de vender algo praticamente idêntico mas com outro nome; pirataria é outro caso descrito mais abaixo) e portanto a maioria das pessoas que optam por este caminho provavelmente escolherão outros produtos para copiar e vender.

  • Promoção: outra vantagem de infoprodutos é que ao colocar algo deste tipo para venda, você se estabelece como um expert ou autoridade no assunto. Esta autoridade pode ser obviamente anulada se o seu produto for MUITO ruim, mas o simples fato de você conseguir estruturar e vender um infoproduto sobre determinado tema cria essa imagem de você é OU alguém que entende do assunto OU alguém que gastou um bocado de tempo pesquisando OU os dois (que é a situação ideal!).
  • Criação de um ativo que pode lhe gerar renda por muito tempo: dependendo da qualidade do seu produto, do nicho/área que está falando e de o quanto você vai permanecer ativo no mercado depois, o seu infoproduto que você criou uma vez há não sei quantos anos atrás, pode ficar lhe rendendo por muito e muito tempo.

Agora, algumas desvantagens:

  • Pirataria: sim, este é um risco que você irá correr pois por ser talvez um arquivo de fácil distribuição (como um PDF), uma pessoa pode comprar e colocar em algum servidor online para distribuir para quem quiser.

Mas não se preocupe, há maneiras de evitar isso e se isso fosse realmente um problema ENORME, então não teríamos tantos e mais tantos infoprodutos de sucesso.

Pense como pequenos roubos em uma loja física: eles acontecem, mas isto é embutido no preço e, provavelmente, não vai ser a causa do sucesso ou fracasso da loja.

  • Tempo e Suor: coloquei aqui como desvantagem, mas isto não é exatamente uma desvantagem. Como expliquei acima, se você ainda está em busca do tipo de negócio “Clique aqui e fique milionário em 14 dias“, então me desculpe, mas este não é o seu lugar.

Criar infoprodutos dá sim “trabalho”, mas este trabalho não precisa ser encarado como aquele trabalho que você odeia num cubículo 5 dias por semana, 8 ou mais horas por dia. Não. Isto pode ser algo muito prazeroso.

Incluído aqui em infoprodutos também temos:

  • Vídeo aulas;
  • DVDs educativos;
  • Guias de suporte a software.

3. Software

SoftwareSoftware é com certeza um dos negócios mais lucrativos na internet e são uma alternativa muito interessante para aqueles que desejam se aventurar no mundo online e não sabem exatamente como. Agora, antes de falar mais sobre isso, deixa eu já responder algumas das mais prováveis perguntas que você possa estar tendo neste momento:

“Mas eu não sei programar!”

Primeiro, você pode aprender se quiser (eu por exemplo estou aprendendo a programar em Python, uma lição por dia e assim vou indo). Segundo, se você quiser não precisa ser necessariamente você que vai fazer toda a programação – você pode terceirizar para alguém.

Sim, aqui entendo que possa ser um passo um pouco mais avançado dependendo de onde você está com seus negócios no momento, mas ao menos já mantenha essa ideia em mente porque com certeza NÃO É UM PASSO DIFÍCIL E NEM TÃO CARO ASSIM.

Se você já acompanhou alguns dos posts do meu blog, verá que a terceirização é uma área bastante complexa quando se tenta achar uma forma de ganhar dinheiro online Também é uma forma que pode dar alguns problemas sim (para isto, dê uma olhada em meu post onde falo um pouco sobre as desvantagens da terceirização e ataque de gafanhotos), mas é uma alternativa.

Eu pessoalmente conheço várias pessoas e amigos próximos que já desenvolveram pequenos softwares, plugins para WordPress e outras plataformas para atender uma certa necessidade do mercado e depois venderam-no através dos seu sites.

  •  OptinSkin: um exemplo é o Glen Allsopp do blog ViperChill (recomendado) onde ele criou um plugin chamado OptinSkin que é um plugin para WordPress que auxilia na criação de formulários de opt-in para newsletters e outras coisas.
  • XMind: é o software que eu utilizo para criar todos os meus mindmaps quando estou desenvolvendo ideias para novos negócios ou simplesmente planejando um artigo. A versão gratuita é excelente, mas há a versão Pro também onde uma gama de novas funções aparecem disponíveis.
  • Keyword Researcher: Outro exemplo é o já mencionado Keyword Researcher que é um excelente software para pesquisa de keywords e assuntos. Falei um pouco sobre ele no meu artigo sobre nichos de mercado se quiser dar uma olhada como ele funciona.

Há diversos outros exemplos como o software de finanças pessoas que eu uso chamado YNAB. Este é um software simples mas bastante eficaz para controle de despesas e fluxo de caixa.

“Mas eu não tenho dinheiro para investir!”

Sim, se você não sabe programar e não tem um dinheiro para pagar alguém que desenvolva para você, isto pode ser um problema. Neste caso é recomendado que se comece com outras opções como a criação de um infoproduto como descrita acima para que esta possa, no futuro, financiar outros projetos.

Mas ao mesmo tempo que digo isto quero que você mantenha em mente que alguns softwares que você pode criar não são assim tão caros e podem ser serviços (abordado depois) baseados em subscrição na web. Estes não são tão caros e podem se tornar um negócio bem lucrativo.

4. Serviços

Serviços

“Ei você! Eu tenho uma excelente proposta para você!”

Outro tipo de empreendimento na internet que você pode procurar para fazer seriam o de serviços prestados a empresas (B2B) ou a pessoas (B2P). O tipo exato de serviço que você pode oferecer vai depender muito da sua área de atuação e de que tipo de serviço exatamente você conseguiria oferecer.

Alguns exemplos de serviços prestados pela web são diversos sites que trabalham com o modelo ‘Freemium‘ que consiste na disponibilização de um serviço e/ou software gratuito com a maior parte das funcionalidades do software final, mas de algum jeito limitado. Você tem a opção de usar este software/serviço gratuitamente o quanto quiser e caso queira as funções adicionais do mesmo, ai terá uma taxa a pagar ou em mensalidade ou pagamento único geralmente.

Exemplos deste tipo de serviço são:

  • Bit.ly: site gerador de links curtos para distribuição em outros serviços como Twitter. A versão gratuita é mais do que suficiente para mim, mas há a opção de adquirir o bit.ly pro onde você pode usar um domínio próprio para fazer seus links como edig.it/LINK.
  • MestreSEO: acredito que esta é a empresa de SEO brasileira que oferece diversas e diversas ferramentas gratuitas mas oferecem planos robustos para soluções mais avançadas.
  • KISSmetrics: site excelente que além de ter diversos artigos informativos de qualidade, ainda oferece algumas ferramentas excelentes para controlar, fazer análise e melhorar a rentabilidade do seu site. Juntamente com o seu outro software chamado CrazyEgg, este é com certeza um poderoso combo para melhorar a performance do seu site.

* DICA: há uma entrevista com o fundador de ambos software descritos acima, Neil Patel, no site do Yaro Starak que vale a pena ouvir » Clique aqui para ouvir a entrevista.

Como pode ver, há uma gama enorme de opções dentro do modelo freemium, desde as ideias mais complexas até as mais simples, de como você pode montar algum empreendimento na web e utilizar para oferecer serviços.

Outros tipos de serviço que você poderia considerar para oferecer a seus clientes e que não requer um conhecimento tecnológico tão alto é a criação de newsletters, jornais de negócios e boletins informativos dentro do seu mercado.

Alguns exemplos são:

  • Mercado de Ações: este é um mercado que movimenta muito dinheiro e estar com as informações certas antes que os outros é essencial afinal, pouquíssimos segundos podem fazer a diferença entre um trade lucrativo ou de prejuízo. Se conseguir mostrar que tem conhecimento e agrega valor a quem estiver assinando sua newsletter, poderia criar um boletim informativo pago para que as pessoas recebam em seus e-mails informações novas sobre o mercado todos os dias.
  • Construção e imóveis: aqui, parecido com o anterior, é um ramo que também teria espaço para uma boa newsletter paga para receber informações úteis sobre o mercado.

E se você está pensando “Mas quem pagaria por isso!?”, pode ficar tranquilo que existe SIM diversas e diversas pessoas que pagariam por este tipo de serviço mesmo que existam diversas outras parecidas e gratuitas – o seu diferencial vai ser a QUALIDADE. As pessoas não se importam de abrir a carteira para pagar por algo que confiam e lhe ajudam a economizar tempo e dinheiro.

Outros Tipos de Serviço

Há diversos outros tipos de serviço que você pode prestar na internet e aí também vai depender muito da sua área de atuação e o que você tem interesse em oferecer a seus clientes/leitores. Alguns exemplos de serviços são:

  • Web Design: se você entende de CSS/HTML e sabe criar páginas web fantásticas, então com certeza a criação de sites é um serviço que você pode oferecer e até depois usar para montar venda de temas personalizados, plugins, suporte para o site, etc. Há uma gama enorme de opções aqui.
  • SEM/SEO/SMM: aqui são os diversos tipos de otimização e trabalho em cima do seu site e perfis na web para ter o melhor resultado possível tanto a nível de vendas como reconhecimento de marca, fidelização de clientes, etc. Se você trabalha com alguns destes, então pode ter certeza que há empresas procurando profissionais dessas áreas.

* Dica: comece com pequenas e médias empresas do tipo “Casa de Bolos” da sua tia. É uma empresa pequena que provavelmente não tem condições de fazer um investimento alto, mas gostaria de já colher alguns dos benefícios da Internet. Só de otimizar suas páginas e fazer o cadastro do site no Google Places, você já dá uma tremenda ajuda por um custo baixo (isso es você não quiser explorar sua tia; ai vai de cada um ;) “Não tia! Para incluir no Google Places custa pelo menos $1.200, mas eu consegui uma promoção pra ti por SÓ R$900,00!!”)

  • Ghost Writing: este é quando uma pessoa escreve em nome de outra pessoa porque esta ou não tem interesse em escrever ou não tem tempo suficiente. É uma boa alternativa de um “emprego virtual” com renda mais constante e boa alternativa para aqueles que estão começando.

5. Site de Membros

Site De Membros

Se alguém conseguiu convencer eles a fazer isso, eu tenho certeza que você convence eles a pagar $10 para o seu site

Este é outro negócio para se ganhar dinheiro na internet bem interessante para aqueles que já possuem uma comunidade sobre determinado assunto ou que gostariam de criar alguma sobre um tema de sua escolha.

Basicamente aqui você criaria uma área onde somente membros que pagassem em dinheiro (ou que de algum jeito tivesse acesso exclusivo por ter feito determinado ação), possam acessar e colaborar.

Dentro do seu site de membros, ou também conhecido como site de subscrição, você pode fazer desde o mais básico como ter um lugar para conversas privadas, distribuição de software, aulas, enfim, diversas opções. Este é um pequeno negócio online, mas que pode ser bem lucrativo.

Então vamos ver alguns dos sites de membership mais comuns:

Fóruns e áreas comunitárias privadas: como exemplo há um fórum de um grande amigo onde este, através de seu blog, criou um pequeno fórum privado com o custo mensal de U$10,00. Acha muito? E que tal um que custa U$300,00/mês? Pois é, o do site SEOBook é assim.

seobook forum

Eu pessoalmente participo de pelo menos uns 4 fóruns privados, alguns que fui convidado e outros que pago mensalmente para poder participar e com certeza essa pequena “barreira” (seja ela monetária ou somente para convidados) com certeza ajuda a elevar o nível da área privada pois quem está lá realmente se esforçou para estar ou paga uma quantia por mês para ter este acesso.

Pense como um mini-vestibular seleciona e separa somente os melhores (teoricamente) para atenderem a determinada instituição de ensino.

Se você conseguir juntar uma comunidade boa sobre algum assunto que você esteja falando em seu blog, site, newsletter, de repente há a oportunidade de criar um fórum privado e fechado para troca e compartilhamento de informação privilegiada ou até para tutoriais privados.

Essa é com certeza uma forma bem interessante de como se ganhar dinheiro online. Além de um bom potencial, você não terá tanto trabalho criando conteúdo já que a comunidade se encarregará disso.

E só para dar uma ideia de como isto pode ser lucrativo, ele cobra U$10,00 / mês e têm hoje cerca de 300 membros. Em uma conta rápida: 300 x U$10 x 1.90 (cotação dólar) = R$ 5.700,00 depositados em sua conta todo mês. Faça chuva, faça sol, Google Update ou o que for, esta grana é recorrente e estará lá mês após mês – contando que ele mantenha o fórum ativo e as pessoas não cancelem suas subscrições.

Agora pense só, R$ 5.700,00/mês.

  1. Custo para manutenção = Zero: ele já tem hosting para seus sites, então só adicionou um subdomínio e criou o fórum.
  2. Custo para criação = Zero: fora o esforço inicial onde criou seu blog, publicou conteúdo, ajudou as pessoas, o custo para “construir” o fórum em si foi de exatos R$ 0.000.000,00.
  3. Taxas e outros: a única taxa que eu sei que ele paga é a do PayPal que é por onde ele gerencia as subscrições. O preço aqui variar mas acredito que fica em torno de 4,5% a 6,5%, ou seja, de U$0,45 a 0,65 centavos que ele perde por mês para cada subscrição. Fora isso, não há mais taxas.

Agora, me acha um apartamento que você pode comprar com entrada de R$0.000,00 e depois parcelar em 48x de R$0.000.000,00 e receber R$5.700,00 todo mês em sua conta de aluguel?

Claro, há alguns poréns:

O fórum precisa manutenção e atenção, mas ele já fazia isso o tempo inteiro mesmo de graça, por que não cobrar? E não é como se fosse um esforço, ele simplesmente fala sobre aquilo que ele trabalha e gosta de fazer em um ambiente fechado. Um apartamento por exemplo PODE dar menos manutenção mas também tem seus problemas como aluguéis atrasados, manutenção em geral, impostos, etc.

Não cabe a este guia ficar comparando estes dois tipos de investimentos para se ganhar dinheiro e saber qual é o mais lucrativo, mas a lição que eu quero passar é que hoje em dia, há diversas ferramentas e formas para você criar os seus ativos na Web que lhe ajudarão a ter uma renda mensal faça chuva ou faça sol.

O custo do investimento inicial destes empreendimentos digitais é bastante suor e trabalho – e eu digo bastante mesmo -  não se engane; mas novamente, este provavelmente será sobre algo que você ama fazer e falar.

  • Newsletter: as newsletters que citei acima dentro da categoria de “Serviços” também poderiam se encaixar aqui como uma mini-comunidade em que você e outras pessoas participariam. Estas teriam, teoricamente, uma qualidade melhor em troca de uma compensação monetária ou de alguma outra forma.

6. E-Commerce (Produtos Físicos)

Outra categoria mais simples de empreendimentos web são simples produtos que você ou produz por conta em casa, em sua loja ou tem terceirizado para alguma empresa e vende através do e-commeca na internet. Talvez você até já os venda através da sua loja e quer agora expandir o seu negócio para a web – ótimo!

Hoje, é bem fácil criar uma loja de e-commerce e adicionar produtos novos que você pode vender pelo seu site . Essa é uma das formas de ganhar dinheiro na internet mais comum. Depois, fazendo uma conta no PayPal, PagSeguro ou algum serviço similar, você cria uma maneira fácil das pessoas acessarem o seu site, adicionarem os itens escolhidos a um carrinho virtual e realizar o pagamento do conforto de suas casas.

Outra alternativa é usar sites como o MercadoLivre para criar uma loja virtual com um investimento pequeno onde você cadastra seus produtos e os vende da mesma forma.

* Dica: se for montar uma loja virtual de e-commerce, faça direito! Não coloque fotos espalhadas pelo site com mensagens do tipo “Entre em contato para fazer depósito” ou algo assim. Você está dificultando toda a vida do cidadão que achou seu site para lhe DAR dinheiro – imagina o que você vai fazer com aqueles que lhe quiserem COBRAR!

Nestes casos é melhor então criar uma loja virtual dentro do MercadoLivre por exemplo e ou apontar as pessoas diretamente para a sua loja virtual lá, ou ter os produtos em algum site com o link para a pessoa comprar dentro do MercadoLivre. Tudo de maneira fácil e prática!

* Se você deseja dar uma olhada nas opções de loja virtual do mercado livre, então clique aqui para realizar o seu cadastro e depois de feito acesse Vender. Ali você terá um passo-a-passo do que fazer para fazer o seu primeiro anúncio dentro do MercadoLivre.

Quanto a produtos acho que não há muitos mistérios de como funciona porque a maioria entende e já está acostumada com isto. A maior diferença mesmo é o processo pelo qual uma loja virtual funciona desde a captação de clientes até a venda e a entrega do produto.

7. Freelancer

FreelanceColoquei aqui separado em uma categoria, mas freelancers podem tanto atuar entregando e criando produtos e/ou serviços dependendo da área de atuação. Ambos oferecem a opção de se trabalhar em casa online exercendo uma profissão que você talvez você já exercesse antes com a diferença aqui sendo usando a internet como meio para prospectar e conquistar novos clientes.

Por exemplo, posso ser um designer trabalhando com freelancer e faço projetos conforme a demanda mas não tenho nenhum contrato fixo (o mais comum). Ou presto serviços de otimização de sites para o Google e presto uma manutenção com honorários mensais.

Há diversas opções aqui, mas se você têm algo que você saiba fazer (de preferência bem!) que independa de sua presença física no local, então olhar por alternativas na Web para ‘vender o seu peixe’ é com certeza uma boa solução.

Novamente aqui a maior diferença é do COMO fazer e não exatamente O QUE fazer.

8. Consultoria

Consultoria

“Então você quer uma consultoria …”

Por último, uma alternativa boa e fácil, que dependendo dos seus conhecimentos e contatos pode ser bem rentável, é a opção de prestação de consultoria em alguma área específica do seu mercado.

De repente você trabalha com importação há 10 anos e sabe tudo em como importar as últimas tecnologias da China: pode ter certeza que irão existir pessoas interessadas nisso.

Ou você vem trabalhando com a implementação de novos sistemas e tecnologias em empresas de varejo e sabe exatamente quais as melhores alternativas. Ou a sua experiência de 15 anos lidando com gerenciamento e desenvolvimento de futuros gerentes dentro da sua empresa lhe deu conhecimentos suficientes para ajudar empresas com problemas no processo de transição de gestão.

Enfim, há uma gama enorme de alternativas que você pode aqui seguir e tudo vai depender do seu conhecimento já existente ou até de um conhecimento que você pretender adquirir. Lembre-se desta frase quando estiver em dúvida do que exatamente oferecer:

“As pessoas farão qualquer coisa por aqueles que encorajem os seus sonhos, justifiquem os seus medos, acalmem os seus medos, confirmem as suas suspeitas e os ajudem a jogar pedras em seus inimigo.”

8.5. Conhecimento + Ação

Você deve estar até agora se perguntando por que diabos 8.5 maneiras de se ganhar dinheiro na internet em casa e qual é o último passo que falta. Bom, é bem simples na verdade:

  • Os 8 passos para se ganhar dinheiro na web já foram descritos aqui acima;
  • O .5 que já foi preenchido foi o fato de você ir atrás de mais informação para melhorar a sua vida e os seus negócios;
  • O .5 que falta e que não esta aqui, é o que exatamente você vai fazer com esse conhecimento que agora tem!

Até, de fato, 0.5 somente para isto é muito pouco – o certo seria 8 pontos somente para a ação que você irá tomar daqui em diante baseado neste seu novo conhecimento e 0.5 pontos para todo este conhecimento.

Lembre-se sempre disto:

“Todo o conhecimento do mundo não irá lhe servir para nada se você não souber o que fazer com ele.”

Portanto, agora é a sua hora de ir a luta e colocar em prática tudo o que você aprendeu.

edal-logoClaro, entendo que mesmo você tendo alguma ideia do que quer fazer e como começar, ainda assim há diversas outras perguntas importantes a serem respondidas. Por exemplo, como conseguir mais tráfego? Qual a melhor plataforma para o meu site!? Qual o melhor sistema de pagamento? Etc.

Esta e muitas outras perguntas eu respondo com vídeos e tutoriais dentro do meu curso, o Empreendimentos Digitais Altamente Lucrativos.

Se você gostou desse curso, então acho que esse curso é pra você. Para saber mais só clicar no link abaixo:

» Clique aqui para mais informações em como começar seu negócio online HOJE mesmo

Bruno Picinini

Trocando MBAs por viagens e usando seu diploma como apoio para o pé da mesa, trabalha com empreendedorismo digital enquanto explora o mundo em busca do cálice sagrado perdido – entretanto se contenta com qualquer boa cerveja. Também é autor do Manual do Empreendedor Digital, manual gratuito que já ajudou milhares de pessoas a dar seu primeiro passo no mundo online.

53 Responses to “8.5 Maneiras De Se Ganhar Dinheiro Na Internet (de Verdade)”

Read below or add a comment...

  1. Antonio says:

    Eita Bruno, mas voce fala (escreve) hem?
    Sou completamente leigo em todos estes assuntos que li, mas voce conseguiu me segurar umas quatro horas lendo seus artigos.
    Parabéns, quando eu crescer eu vou querer ser assim.
    Um grande abraço amigo.

    • Bruno says:

      Fala seu Antonio! Po brigadão pelos elogios ;) Engraçado até vc falar isso pq sinceramente eu nunca me considerei um “escritor”, mas serve p/ provar que td pode ser aprendido ;)

      Grande abraço e fique a vontade p/ mandar suas duvidas, sugestões e doaçoes (só aceito acima de $100+) ;)

  2. otimas dicas, gostei muito do seu site. parabens

    • Bruno says:

      Obrigado pelos elogios Gustavo ;)

      Qualquer dúvida, crítica ou doação (somente acima de R$100) fique a vontade para entrar em contato ok? ;)

      Abraços!

  3. Geizon torres says:

    Nossa muito bom, gostei bastante, muito bem explicado,e bem simples de entender,ja conhecia algumas maneiras, mais me ajudou batante e sem promessas mirabolantes igual alguns ai…..

    Parabens….

  4. carlos says:

    eu sou um merda !!

  5. Cláudia Carvalho says:

    Excelente site sobre como ganhar dinheiro na net, amei as dicas.

  6. Fernando Lopes says:

    Isso mesmo ! Estou começando agora no mundo do Mercado Digital e resolvi optar pelo ramo dos Programas de Afiliados e Infoprodutos com direito de revenda.

    Lancei a pouco tempo o meu site que é especializado nesses 2 temas , caso se interesse fique a vontade para conhecer

  7. Geraldina Mensagens says:

    Gostei das dicas!

  8. Alessandro Roveda says:

    Olá Bruno!

    Antes de mais nada quero dizer que seu site e textos são muito bons. Estou escrevendo pois estou em um momento da minha carreira em que possuo um bom expertise na área de comunicação, publicidade e marketing, porém sou um analafeto em programação. Cara, na verdade meu dilema é dá para ser um empreendedor digital com quase nehum conhecimento de programação, mas com uma bagagem bacana de conhecimento, em especial na produção de conteúdo on/off e planejamento estratégico de marketing?

  9. Nilton Neto says:

    Caro Bruno,
    Por acaso pesquisando na web sobre o que seria melhor para meu negócio entre uma loja virtual ou um blog de membros, encontrei a sua página. Parabéns pelo conteúdo!

    Tenho um blog na área de Lavadoras de Roupas com dicas gratuitas de reparos e agora o mesmo já está com 21.000 acessos mês e criei um Ebook em PDF que vendo através da Hotmart.

    As vendas estão indo bem e agora estou em dúvidas sobre a criação de uma loja virtual de cursos em PDF e vídeos ou um Blog de membros. Atualmente tenho cera de 5 cursos em PDF e 5 em vídeos (todos de minha autoria)prontos para lançar, mas as dúvidas estão me travando.

    Eu acho que não tenho produtos suficiente para criar um blog de membros e por isso a dúvida. Em relação a loja virtual em WordPress com o plugin WooCommerce eu teria o trabalho de em alguns casos ir nos correios para despachar os DVDs. Na loja também venderei ferramentas exclusivas para o serviço e como é um produto físico, não tem como deixa 100% no piloto automático.

    Em relação ao blog de membros, esse sim teria como deixar 100% no piloto automático e ir somente alimentando com conteúdos, mas ai vem a dúvida mais cruel…Meu tipo de público é o consumidor normal assim como você que tem em sua residência uma lavadora de roupas (brastemp por exemplo) e a mesma apresenta um defeito que lhe custará uma boa grana. Você pesquisa na web e encontra meu blog de membros com acesso ao curso em vídeo do mesmo modelo de sua lavadora por R$ 30,00.

    Até ai tudo bem, mas sendo o acesso de valor R$ 30,00 por 30 dias, você terá acesso aos vídeos e em dois dias por exemplo já teria a solução para seu problema e poderia caso fosse maldoso, requerer alguma devolução em relação a pagamento junto ao Pagseguro, Bcash ou Moip por exemplo.

    Caso eu venha pingar os capítulos até fazer 20 dias por exemplo, eu perderia vendas, pois o consumidor quer todo o conteúdo online para acessar porque ele não terá paciência em esperar os capítulos, pois tem que consertar sua lavadora.

    Desculpe estar tomando seu tempo, mas como vi que você entende do assunto, então tomei a liberdade de me expressar longamente. A propósito meu blog é: http://www.niltran.com

    Um abraço e sucesso,

    Nilton Neto.

    • show de bola fera! Parece que você sabe o que está fazendo direitinho :)

      O problema é que, infelizmente, seu caso já é mais complicado e eu não tenho como ajudar como você merece por aqui. Imagino se falo uma besteira na pressa e ferro seu negócio!?

      Tenho consultoria aqui no site http://www.empreendedor-digital.com/consultoria, mas até pra essa, agora, estou sem tempo :(

      Sucesso!

      PS: dei uma olhada rápida no seu site … parabéns! de verdade! Excelente a qualidade, o conteúdo, tudo. Show de bola! É questão de TEMPO pro negócio lhe gerar um retorno INCRÍVEL (se já não está)!

  10. geovaldo says:

    bruno gostaria saber mais sobre este negorcio mande-me um contato telefonico para que eu te ligue obrigado

  11. marli de lara says:

    oi gostaria de infomaçao mais clra assim que pude [TELEFONE REMOVIDO]

  12. ttt says:

    Muito.bom

  13. Amanda says:

    Parabéns pelo artigo Bruno, realmente muito bom!

    Eu comprovei na prática, que entre os vários meios de ganhar dinheiro, Google Adsense dá dinheiro, o UOL Afiliados, o Mercado Sócios, o Buscapé Afliados(Lomadee), Submarino Afiliados e outros sistemas de afiliados rendem um bom dinheiro.

    Para ampliar ganhos, resolví me cadastrar em uma empresa de Marketing Multinível também.

    Pesquisei durante 5 meses, algumas empresas diferentes, que eu não precisasse vender produtos de porta em porta, acompanhei o restrospecto delas, ví seus pontos bons e ruins, e a que eu encontrei, que pude ver que é sustentável, ou seja, um negócio para durar muitos anos.

    Dê uma lida, e compartilhe conosco sua opinião. Para mim está dando resultado.

    Seus textos são ótimos, parabéns pelo belo trabalho que você têm feito neste blog!

    • RODRIGO GIGLIO says:

      Oi, Amanda.

      Qual Multinivel voce escolheu, depois da sua pesquisa? Sempre sondei, mas nunca entrei numa dessas pelo mesmo motivo que voce: ficar enchendo o saco dos outros “porta a porta”.

      Alias, Bruno,

      Voce é o “culpado” por ter me feito largar o estudo pra concurso e começar essa jornada de empreendedorismo digital! Vamos na fé!!!

      Abs!

      RODRIGO GIGLIO

  14. Max says:

    Eu gostei bastante desse artigo e graças a você surgiu bilhões de ideias para criar meu próprio negócio na internet.

  15. Roberta says:

    Nossa é tanta coisa com pequenos detalhes que fazem muita diferença,pra uma leiga como eu,facilitou e muito o meu entendimento.Parabéns seus artigos são ótimos!

  16. Antonio Carlos says:

    Alem destas dicas ainda existem centenas de maneiras de ganhar dinheiro na internet, e sem falar que a cada dia surgem mais e mais ideias, seu post foi muito bom eu ainda não tive a oportunidade de conhecer o seu curso, mais creio que seja um bom material.

  17. Cláudio Corgozinho says:

    Olá, Bruno!

    Mais um excelente artigo! De todas as suas dicas, destaco a consultoria como sendo uma das melhores formas de se ganhar dinheiro online, muitas vezes melhor e mais rápida do que todos os demais. É claro que dependerá de vários fatores, mas particularmente para mim funciona bastante.

    Sucesso e abraço!

  18. jose teotonio says:

    Sou muito leigo no assunto mais você faz com que leia todos os assunto, to em busca de aprender mais sobre esse mundo online como você poderia me ajudar a construir o site para vender produtos de terceiros.

  19. Rafael says:

    Olá, Bruno

    Gostei muito das maneiras de ganhar dinheiro na internet, principalmente dos “Afiliados e Anúncios CPA/CPC”. Portanto, gostaria de saber como faço para ser um “merda”. Gostei muito desta oportunidade.

  20. Osmar souza- palestrante motivacional says:

    Muito bom Bruno,excelente matéria parabéns grande abraço.

  21. Tiaguera says:

    Olá, Bruno!

    Desculpe-me a ignorância, mas…
    Tenho a idéia de um empreendimento online, porém não sei como iniciar o site?
    Como eu dou vida ao negocio?
    Faço o site de forma gratuita ( que pode travar lucros futuros)
    Contrato um webdesigner para fazer??
    E depois de feito, como atualizo?
    Diga ae o caminho, parceiro Bruno!
    COMO dou vida??????

    Abs!

  22. Carlos roberto dos santos says:

    já comprei outros cursos mas seu curso foi o que mais tem dicas para começar a desenvolver trabalho na internet continue assim abraços

  23. Derek Willi says:

    Boa Bruno!

    Várias ferramentas úteis e uma abordagem mais pessimista que os demais! É disso que o mercado precisa.

    Sucesso!

  24. Josemar says:

    À princípio parece o melhor site que ensina as formas de ganhar dinheiro na internet com trabalho de verdade. Parabéns de verdade.

  25. Héber Lima says:

    Dicas pertinentes e excelentes. Parabéns pelo site!

  26. Francisco Silva says:

    Realmente existem várias formas de se ganhar dinheiro na internet

    Atualmente trabalho somente com marketing de afiliados na plataforma Hotmart, mas pretendo expandir meus negócios online

    Dicas muito aproveitáveis

    Parabéns Bruno

  27. Renato Matilelo says:

    Bruno,meus parabéns pelo seu grande trabalho,vejo que seus posts sempre esclarece a mentalidade de muita gente,principalmente a minha.sempre estou te acompanhando.Abraços

  28. Eduardo Silva says:

    Parabéns pelo artigo, muito bom!
    Me esclareceu bastante coisa :D

    Abraços
    Eduardo silva

  29. RAlph Eduardo says:

    Ola Bruno,
    li seu artigo e muito me dispertou o interesse neste seguimento,pois já estou bastante estafado de transito e trabalho convencional,sou do ramo de construção e reforma, ja atuo no mercado a mais de 20 anos e neste periodo adquiri um grande conhecimento sobre materias aplicados e mão de -obra,além de criar um empresa fisica chamada Casa à Mais,também tenho uma rede de relacionamento no mesmo segmento no LinkdIn denominada Clube de compras onde so tenho membros do ramo como compradores de grandes construtoras,engenheiros arquitetos e fornecedores,eu sinto que isto pode me render uma boa lucratividade mas não tenho a menor ideia de como transformar isso em renda,peço sua ajuda pois após ler seus artigos sugiram muitas ideias e tbm duvidas,grato pela atenção.

    • George Newton says:

      Ralph, que tal criar serviços ou produtos de como eles podem escolher os melhores investimentos, serviços etc? É bom pensar :)

  30. Carlos says:

    Boa tarde Bruno!!!
    Muito bom seus artigos, estou muito interessado e fazer o seu curso, mas ainda não da pra mim.
    Queria saber qual site de membros que você indica para quem estar querendo ganhar dinheio na internet

Trackbacks

  1. [...] que ao final deste artigo você terá uma melhor visão de onde e como você deve atuar se quiser ganhar dinheiro pela internet.Vou falar uma verdade que poucas pessoas admitem:A maioria dos nichos são PÉSSIMOS para se [...]

  2. [...] ou desejam utilizar o Google Adsense para rentabilizar o seu blog em busca de nosso sonho em ganhar dinheiro na internet. Eu pessoalmente já usei bastante o Google Adsense e sei que sim, ele pode apresentar um belo [...]

  3. [...] Artigo: 8.5 Maneiras De Se Ganhar Dinheiro Na Internet (De Verdade) [...]

  4. [...] Artigo: 8.5 Maneiras De Se Ganhar Dinheiro Na Internet (De Verdade) [...]

  5. [...] texto “8.5 Maneiras De Se Ganhar Dinheiro Na Internet (De Verdade)”, Bruno M. Picinini ainda relaciona outras possibilidades que podem servir como estímulos para [...]



Não se acanhe .. deixe o seu comentário!

*