A Economia Burra: Como Ganhar Dinheiro Mesmo Pagando Mais Caro

Já fiz muito esse erro…

Achar que estava “economizando” pagando mais barato por algo. E não é uma simples questão do “barato sai caro”. Não…

O que falo aqui é outro tipo de economia – essa que agora apelidei de Economia Burra.

Vejo que algumas pessoas, erroneamente, vivem assim. Achando que estão fazendo muito bem…

Só que a verdade é que elas poderiam ganhar muito mais dinheiro simplesmente pagando MAIS CARO por algumas coisas.

E é sobre isso que falo nesse vídeo de hoje!

Espero que goste:

Você pode também escutar esse vídeo no Podcast oficial do Empreendedor Digital:

Lembre-se de assinar agora o canal para não perder nenhum vídeo com dicas e sacadas de marketing e empreendedorismo digital.

Se quiser você pode ver esse e deixar seu comentário no vídeo no próprio vídeo no YouTube: A Economia Burra: Como Ganhar Dinheiro Mesmo Pagando Mais Caro

A Economia Burra: Como Ganhar Dinheiro Mesmo Pagando Mais Caro

Opa! Bruno Picinini por aqui. Nesse vídeo de hoje, quero falar com vocês sobre o que eu chamo de “Economia Burra”. Como ganhar dinheiro mesmo pagando mais caro pelas coisas? É um passo necessário e você já vai entender porque.

Estou no aeroporto de Madrid fazendo uma conexão. Me dei conta que já falei com muitas pessoas sobre um erro – que eu chamo de “Economia Burra”. O quanto elas gastam com o negócio em ferramentas, softwares, aplicativos ou na hora de viajar.

Vamos supor que a pessoa tem que ir do ponto A ao ponto B. Quando essas pessoas olham passagens, elas só se importam com o quanto custam. Elas não olham o tempo que demora para chegar em tal lugar. Se você usar sites de procuras de preço, você verá que existem passagem muito baratas e mais caras. Qual é a diferença? Às vezes é só a classe que é diferente. Às vezes uma que é um pouco mais cara é um voo direto ou no máximo com uma conexão rápida. Enquanto que algumas passagem que podem ser 300 dólares mais baratas serão voos de 26 horas com pernoite em algum lugar. As pessoas compram essas passagens achando que estão economizando. Por isso, “Economia Burra”.

Elas estão querendo economizar 300 dólares em uma passagem, mas perdem 10 horas que poderiam ser usadas nas férias delas. Elas passam o ano todo esperando pelas férias, mas não gastam 300 dólares a mais para ter aquele tempo para curtir as férias. Se a viajem for a negócios, elas poderiam estar simplesmente trabalhando. Quanto essas 10 horas valeriam no seu negócio?

O Barato Sai Caro

Para algumas pessoas, 10 horas ainda não valem 300 dólares. Beleza, pode ser, eu não estou dizendo que sempre esse será o caso. Mas é preciso muito cuidado para não fazer essa economia burra quando, na verdade, ela está custando muito mais.

Quando eu busco passagens e encontro uma passagem de 12 horas e outra de 20 horas, eu escolho a de 12, mesmo que ela seja  300 dólares mais cara. Eu sei que aquelas 10 horas – nem que seja para eu descansar – se eu usar no meu negócio, vão me render mais.

Isso só é possível porque eu sei exatamente quanto eu ganho, quanto eu quero ganhar e quanto vale cara hora e minuto da minha vida. Você tem que colocar isso no papel. Se você quer ganhar 100 mil por mês, trabalhando 40 horas por semana, minhas horas têm que valer X.

Não se esqueça disso: se você quer trabalhar 30 ou 40 horas por semana, isso não significa que você terá 30 ou 40 horas produtivas. Eu até cortaria pela metade o número de horas, já que durante muito desse tempo você estará fazendo tarefas administrativas e não produtivas que geram dinheiro. Se você achar que você consegue de 15 a 20 horas de produção, para ganhar aqueles 100 mil reais você tem que dividir por esse número de horas. Daí, você saberá quanto vale a sua hora, e quanto vale seu minuto. Sabendo isso, fica fácil calcular.

Quanto Vale A Sua Hora? Minuto?

“Isso vai usar 10 horas da minha vida”. Vamos supor que sua hora vale 1 mil. Aí é só calcular. Vale muito mais a pena eu pagar mais caro por essa passagem, já que eu estarei ganhando dinheiro. Vou dedicar esse tempo nem que seja para descansar e produzir no meu negócio.

No fim das contas, aquelas horas produtivas valem muito mais do que a “economia” com a passagem barata. Então, muito cuidado com isso. Muitas vezes queremos economizar tanto, que fazemos essa economia burra. Às vezes pagamos tickets mais baratos, mas mais demorados, com horas que poderiam ser dedicadas às suas férias ou para trabalhar no seu negócio, fazendo ele render. Isso valeria muito mais do que você economizar. Isso muda de negócio para negócio e depende de qual estágio você está na sua vida. Mas mantenha isso em mente. Eu conheço muita gente que ganha bem e ainda assim quer fazer esse tipo de economia que simplesmente não faz sentido. Tome cuidado com isso. Essa era a dica de hoje.

Se você quiser mais dicas de marketing e empreendedorismo digital, entre no meu site, que é o EmpreendedorDigital.com. Provavelmente terá um botão aqui para você clicar. Lá você terá alguns guias gratuitos que você pode baixar.

Você pode dar um joinha nesse canto aqui. Se você não gostou, ao invés de dar um negativo, me fale porque você não gostou para eu melhorar meu trabalho no próximo vídeo. Não se esqueça de se inscrever no canal e receber uma notificação dos próximos vídeos que eu postar.

Vou ficando por aqui. Um grande abraço e até mais.

Seja generoso - compartilhe:Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on LinkedInShare on Google+