4 Dicas de Como Ganhar Dinheiro em Casa (De Verdade)

Sim…

Como ganhar dinheiro em casa.

Só de falar isso já parece mentira né não?!

Também… como que isso não iria acontecer?! Basta digitar qualquer coisa relacionado a casa e ganhar dinheiro que é uma loucura!

Furadas e mais furadas!

Por isso decidi gravar esse vídeo… Porque se é pra alguém estar aparecendo tanto no Google como Youtube falando desse assunto, ao menos que seja eu! 🙂

Assim posso mostrar um caminho DE VERDADE… Um caminho que não é “um passe de mágica” e nem acontece “da noite pro dia”.

Mas sim um caminho que funciona…

Pra todos aqueles que não tem medo de arregaçar as mangas e trabalhar um pouco.

E aí… quem sabe… realmente ganhar dinheiro em casa ou de onde você bem entender!

Veja o vídeo agora:

Você pode também escutar esse vídeo no Podcast oficial do Empreendedor Digital:

Lembre-se de assinar agora o canal para não perder nenhum vídeo com dicas e sacadas de marketing e empreendedorismo digital.

Se quiser você pode ver esse e deixar seu comentário no vídeo no próprio vídeo no YouTube: 4 Dicas de Como Ganhar Dinheiro em Casa (De Verdade).

4 Dicas de Como Ganhar Dinheiro em Casa (De Verdade)

Olá, Bruno Piccinini por aqui, e nesse vídeo de hoje quero falar sobre um assunto que obviamente logo de cara vai parecer que é mentira, que é mutreta, que é enganação, porque eu vou falar de como ganhar dinheiro em casa. E se você pesquisar ou já pesquisou, ou passar qualquer, digamos, segundo pesquisando na internet sobre esse assunto vai ver uma quantidade enorme de furadas, mentiras, lorotas e tudo mais que a gente vê por aí.

Até isso é uma das coisas que às vezes comento com meus amigos: que o simples fato de eu falar sobre negócios online, ganhar dinheiro em casa, ganhar dinheiro com a internet, automaticamente as pessoas já pensam “esse cara é furada, esse cara tá fanando mentira”. Só que realmente o nosso trabalho é mostrar com calma não só os meus resultados, mas resultados também de outras pessoas e outros clientes que eu já ajudei. Mostrar como isso realmente é possível dentro de todo esse mundo de lorotas e mentiras. Realmente é possível ganhar dinheiro em casa de uma maneira séria, honesta e com certeza não é sem trabalho, nem da noite pro dia e nem alguma coisa com uma fórmula mágica que vai resolver tudo.

Agora, se você não tem medo, e é muito o que eu falo durante o programa do férias sem fim, se você não tem medo de trabalhar um pouco, de arregaçar as mangas e realmente trabalhar, então o melhor que eu posso fazer é pelo menos dar as melhores dicas, as melhores informações e apontar o caminho certo pra você, pra facilitar a sua vida.

Então, no vídeo de hoje eu quero justamente falar sobre esse assunto: de como ganhar dinheiro em casa. O que eu faria e como eu fiz, quais são as alternativas que a gente tem e alguns dos erros que as pessoas cometem ao tentar achar uma alternativa. Seja de renda extra em casa, seja como for, seja simplesmente poder trabalhar em casa pra ter mais qualidade de vida, mais liberdade, seja pra passar mais tempo com os filhos ou poder se dedicar a algum esporte, enfim, cada um tem os seus objetivos do porque gostaria e preferiria trabalhar em casa.

Então, o que acontece, dentro das possibilidades que a gente tem de trabalhar em casa, eu geralmente vejo como cinco as atividades principais que você pode fazer. Vou falar as cinco agora, explicar rapidamente pra depois a gente continuar com as dicas de como você pode começar (dependendo do que você quiser fazer) e qual é o caminho que eu recomendo.

Então, os cinco tipos de coisas que você pode fazer pra conseguir trabalhar em casa, seriam basicamente: você trabalhar como um freelancer. E dentro de freelancer eu encaixo muitas coisas como, por exemplo, web design, programação, edição, transcrição, tradução, todos esses tipos de serviços, consultoria, coach (a consultoria e coach não são bem a mesma coisa, seriam mais serviços), se você tem alguma habilidade que pode fazer. Vi outro dia alguém que ensinava a fazer chinelos personalizados pra depois vender. Eu acho um pouco difícil demais porque prefiro produtos digitais, porque tem diversas vantagens e a gente já vai falar sobre isso.

Mas você pode trabalhar como freelancer, se você tem alguma habilidade como essas que eu falei. Se você sabe, por exemplo, programar. As pessoas podem contratar você através de sites online, tem diversos desses. Eu mesmo contratei dois a pouco tempo pra me ajudar numa comunidade que eu estava construindo, que até faz parte do Férias sem Fim. Você contrata essas pessoas e elas podem fazer 100% do serviço delas através da internet. Ou seja, você pode fazer aquele mesmo serviço trabalhando de casa.

Então essa é uma opção, se você faz web design e tantas outras aí que eu citei, você pode simplesmente pegar isso que você faz, essa sua habilidade, e oferecer na internet. Achar pessoas, como eu falei, tem sites para isso, pra oferecer isso. Essa já é uma maneira de poder trabalhar em casa.

O segundo seria trabalhar com afiliados, o terceiro com adsenses, o quarto com infoprodutor e o quinto oferecendo serviços, que é parecido com freelancer.

Continuando a explicação deles, o segundo deles seria trabalhando com afiliados. Caso você não conheça, afiliados é nada mais nada menos que um vendedor por comissão. Ou seja, você acha um produto lá fora que acredita que pode vender ou que já está vendendo bem e que de repente você consegue indicar para outras pessoas, e quando você fizer uma venda (e aí tem sistemas que monitoram essas vendas pra dizer quanto você vendeu) você ganha uma comissão. Não é a mesma coisa que marketing multinível. Eu pessoalmente não gosto e não trabalho com marketing multinível, mas aí é uma opinião pessoal. Eu sei que tem pessoas que trabalham e gostam muito desse tipo de sistema. Eu pessoalmete não gosto.

Mas isso é o que são afiliados e é com certeza uma bela outra opção para você conseguir trabalhar em casa, ganhar dinheiro. Realmente podendo trabalhar não só de casa, na verdade, mas de onde você quiser. Se você já viu minha história nos próprios vídeos do Férias sem Fim, ou no meu site, eu passei um bom tempo (um ano) viajando o sudeste da Ásia, porque viajar é um dos meus hobbies preferidos. Então realmente começou com a ideia que eu queria viajar mais e acabei criando um negócio online por conta disso, pra eu poder ficar viajando e financiando a minha viagem enquanto viajava.  Então esse é o segundo modelo.

O terceiro seria trabalhar com adsense, mas não é só com adsense. Adsense é um dos mais comuns. Mas é trabalhar com anúncios dentro do seu site, e aí eu já estou entrando mais específico dentro das possibilidades de que hoje uma das maneiras mais fáceis pra poder ganhar dinheiro em casa é ter um negócio online. E uma das maneiras é se você conseguir criar um site com um tráfego qualificado. Não adianta ser qualquer tráfego, precisa ser tráfego qualificado. Você pode colocar anúncios dentro do seu site, seja o adsense, que é do google, ou banners que as pessoas podem pagar ou diversos outros, e aí você recebe uma comissão por isso. Essa é outra maneira de fazer.

O quarto exemplo que a gente tem é trabalhar como infoprodutor. Não só infoprodutor, na verdade, mas como um produtor de produtos digitais. Isso pode ser desde softwares, que eu pessoalmente não faço porque não sei programar, mas poderia contratar pessoas, como eu fiz. E outro que é o que eu prefiro é é criar produtos de informação que você vende através da internet.

Se você vir um vídeo, o último que eu postei antes desse (se eu esquecer de colocar o link aqui você pode me lembrar, mas se você for no meu canal você vai ver), eu explico o que são infoprodutos. Infoprodutos são nada mais nada menos que produtos de informação que você vende online, como ebooks, cursos em vídeo, cursos em áudio, site de membros, comunidades (como eu acabei de falar, essa que a gente tá configurando e acertando pro Férias sem Fim). Então são esses os produtos que eu pessoalmente prefiro trabalhar porque eles são fáceis de criar, relativamente. Você abre o pword ou até o próprio google docs que é gratuito, escreve seu texto com alguma informação que vai ajudar alguém. E aí, é claro que você não vai escrever sobre qualquer coisa. Tem que saber o que exatamente você vai vender, sobre o que você vai falar. E aí você cria um pdf que depois coloca pra vender. Depois você vai procurar saber como vender esse seu produto. Realmente é minha maneira preferida, depois vou até falar mais, caso você  que se interesse mais por isso.

E por último, o quinto modelo que a gente tem, são serviços que é parecido (de certa maneira) com o trabalho que freelancers fazem, mas envolve mais. Por exemplo, se você fizer consultoria, você pode oferecer através da internet. Se você fizer coaching, você pode oferecer através da internet. E nesse caso, como eu falei, é parecido com freelancer. Serviços de design, serviços de programação, são no final serviços, acaba meio que se misturando e isso tudo você pode oferecer.

Eu já tentei basicamente todos. Já tentei trabalhar como freelancer, já trabalhei com  afiliados, já trabalhei com adsenses e anúncios. E hoje eu trabalho e me especializo em infoprodutos e serviços que possam ser oferecidos online simplesmente porque eu acho eles mais faceis de criar, mais estáveis, mais escaláveis e muito mais seguros em comparação com outros. Tem até um artigo no meu site sobre isso se você quiser ler.

Então esses são os modelos de negócio. E se você tiver interesse em começar, alguma das dicas que eu quero passar é que não importa o nível que você está, se você está começando ou já está ganhando alguma coisa (mas ainda num nível que você não considere suficiente) o que eu recomendaria é que antes de mais nada você foque em conquistar sua liberdade.

O que eu quero dizer com isso é que eu vejo (pelos meus clientes e outros) que muita gente já começa querendo criar um negócio online 100% automatizado, fácil, que a pessoa só precise checar uma vez por semana, e tá tudo ótimo acontecendo enquanto ela tá na praia tomando uma água de coco. Isso é possível mas não acontece da noite pro dia e nem provavelmente no primeiro ano, a não ser que você saiba realmente o que está fazendo, já teve alguma experiência prévia ou tem alguém pra indicar pra você qual o melhor caminho – que é o que eu tento fazer aqui nos vídeos e em todos os meus treinamentos. Então não espere que você vá conseguir assim logo de primeira.

Mas o que você pode fazer, que eu já vi várias pessoas fazendo e acho uma ótima ideia, é primeiro conquistar a liberdade através de algo que não dê tanto trabalho. Por exemplo, um infoproduto que é o que eu prefiro. Ele é otimo, não é tão demorado pra criar, mas pra começar a vender você tem que aprender o que está fazendo. Você pode simplesmente começar como um freelancer oferecendo serviços relacionados àquele infoproduto que você pretende criar pra já começar a ter pelo meno um dinheiro entrando através da internet e podendo trabalhar de qualquer lugar.

Eu tenho um amigo que, por exemplo, queria ensinar como ensinar inglês. E antes dele criar o curso dele de ensinar iglês, ele dava aulas de inglês através da internet. Essa era uma maneira fácil dele ganhar dinheiro trabalhando realmente de onde ele estivesse. E aí depois, com calma, ele foi criando o seu produto, utilizando até a experiência dos seus próprios clientes, das aulas que ele estava dando. E então com o produto pronto ele começou a vender e pouco a pouco meu amigo foi parando de dar aulas, porque isso tomava muito tempo. O tempo é algo que você não consegue escalar. Seu tempo é limitado e é, de verdade, o bem mais precisoso da nossa vida. Muito mais que dinheiro (ao contrário do que algumas pessoas ainda acham).

Então, esse é um caminho bom para começar. Começar com alguma coisa que você consiga oferecer como freelancer ou como serviço, e de preferência já relacionado a um possivel infoproduto que você criará no futuro. Eu realmente recomendo que em algum ponto você crie seu infoproduto, porque é como eu disse: como o serviço é o freelancer e você tem x horas do dia, se você quer aumentar o quanto você ganha, ou você aumenta a quantidade de horas trabalhadas ou aumenta o quanto cobra. Só que tem um limite de quanto esse aumento pode chegar. Talvez até você possa contratar mais pessoas pra fazer o seu trabalho, mas ai não vai ser você, e aí envolve outras implicações.

Um infoproduto, um ebook, por exemplo, se ele está pronto e você descobre como começar a ganhar tráfego orgânico do google, do youtube ou de onde for, aquele é um sistema realmente automático pra continuar vendendo. Ele não tem o custo do seu tempo de ter que estar produzindo, e produzindo, e produzindo de novo. Você faz uma vez e depois vende aquele produto quantas vezes você quiser até que dure o interesse. Em alguns mercados, o emagrecimento ou ganhar dinheiro, por exemplo, o interesse dura pra sempre, basicamente. Como outro dia estava falando com o pessoal da Empiricus (não sei se você conhece). A gente comentou que ganhar dinheiro nunca saiu de moda e provavelmente não vá sair tão cedo.

Então tem alguns mercados que são melhores que os outros. Tem um video aqui no canal, se você quiser dar uma olhada, que te ajuda a escolher os melhores mercados pra se trabalhar. Essa é uma das dicas.

A segunda dica é que (baseado no que eu já vi de muitos clientes) muitos ainda tem um emprego quando querem começar com a ideia de criar um negocio online ou poder trabalhar de casa. É claro que a transição as vezes não é facil. Eu pessoalmente, quando eu comecei, larguei tudo e me joguei de cabeça. Não é o caminho que eu recomendo porque acho que cria um stress emocional e uma pressão extra que não são muito bons, porque você fica sempre correndo pra vencer apagar o fogo e pensando: “poxa, se não entrar grana esse mês, como vou cobrir as contas? Como vou cobrir o aluguel? Como vou cobrir, enfim o que eu tenho que pagar? Como eu vou viver?” E isso pode causar uma pressão muito grande e fazer você tomar decisões que em curto prazo talvez até tragam resultados, a longo prazo não seria algo que voce se orgulharia.

Então, o que eu recomendo é que se você tem um emprego, que comece trabalhando, por exemplo, uma ou duas horas por dia no seu negócio nas horas extras que você tem depois do seu emprego. Sim, vai dar trabalho. Você infelizmente vai ter que chegar no seu emprego, se concentrar lá e trabalhar mais essas uma ou duas horas, mas a alternativa a isso é passar o resto da sua vida no emprego que você não gosta. Pra mim está bem claro qual seria o caminho que eu seguiria. É um esforço por um tempo, mas que sinceramente vale a pena porque do outro lado tem muito mais liberdade, muito mais qualidade de vida.

Então, o que eu faria é começar com uma ou duas horas por dia, exatamente como eu recomendo nos vídeos do Férias sem Fim que você pode ver depois aqui nos links. Vai estar ou no vídeo ou aqui embaixo na descrição.

Dizem que é mais ou menos uma regra (como eu não fiz isso exatamente, não tenho certeza) que, por exemplo, você consegue largar seu emprego mais ou menos quando atinge 50% do que ganha no seu emprego com o seu negócio online (ou o que você está fazendo em casa). Porque talvez e não dá pra garantir, quando você largar e passar a se dedicar em tempo integral ao seu negócio online, você consiga aumentá-lo muito mais rápido simplesmente pelo esfrço que você está colocando. Nao é uma regra, se você trabalhava antes uma hora e agora trabalha dez isso não vai multiplicar, mas tem uma certa correlação. Então é isso que eu recomendaria fazer.

Por último o que eu recomendaria é que se você tem interesse nesses modelos que eu falei, dentro dessas dicas que eu dei sobre como realmente ganhar dinheiro em casa, essa coisa que parece tão difícil e absurda mas que realmente hoje (tendo as informações certas) pode ser simples, mas não fácil (pois tem diversos poréns, como aprender sobre seu mercado, aprender como funciona o marketing, como alcançar as pessoas que a gente quer alcançar); se você quiser aprender mais sobre o que eu pessoalmente me dedico o que me deu mais resultado de tudo que eu já testei (sendo que eu já tive mais de cem sites, tentando vender tudo que é tipo de coisa, desde furadeira até livro de como comprar barco); se você quiser ver também alguns resultados que alguns clientes meus tiveram eu recomendo que você visite www.feriassemfim.com.br ou clique no link que vai estar aqui no vídeo ou logo abaixo que você vai ser redirecionado para essa página pra assistir os vídeos onde eu comento mais sobre os resultados que eu tive, os resultados de um desafio que eu participei e como realmente criar um negocio 100% online para você poder trabalhar de casa ou de onde você bem entender.

Então, caso você tenha gostado desse vídeo clique no botãozinho aqui do lado pra dar o joinha e depois deixe seu comentário se você tiver alguma dúvida ou comentário pra gente conversar mais e aí eu posso fazer os próximos vídeos reposndendo as dúvidas e perguntas que você tiver.

Eu vou ficando por aqui. Um grande abraço e até mais.

Seja generoso - compartilhe:Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on LinkedInShare on Google+