Dois Gatilhos Mentais Obrigatórios Para o Seu Marketing

Dois dos principais gatilhos mentais para o seu marketing:

Escassez…

e Prova Social.

É incrível como sempre estamos a mercê desses dois gatilhos.

Em uma viagem recente para Budapeste passei por uma situação que mostrou bem como isso acontece.

Veja o vídeo agora e deixe seu comentário logo abaixo:

Lembre-se de assinar agora o canal para não perder nenhum vídeo com dicas e sacadas de marketing e empreendedorismo digital.

Dois Gatilhos Mentais Obrigatórios Para o Seu Marketing

Opa! Bruno Picinini por aqui fazendo um vídeo rápido em Budapeste. Vou falar sobre a dica do gatilho mental da prova social. Estávamos viajando por aqui conhecendo essa cidade. Vale a pena conhecer, já que é uma cidade muito bonita. É uma pena que esteja um pouco frio e nublado.

Ontem à noite nós queríamos jantar num restaurante e fomos procurar indicações no Trip Advisor. Eu recomendo usar esse aplicativo, já que sempre tem dicas boas para encontrar bons restaurantes. Nós estávamos na dúvida entre duas hamburguerias.

As duas tinham a mesma nota, que era 4,5. Uma tinha 650 reviews e a outra tinha 1000 e tantas reviews. Eram basicamente a mesma coisa. Fomos na primeira, que era a que ficava mais próxima do apartamento em que estávamos ficando aqui no distrito judeu de Budapeste.

Essa cidade se chama Budapeste porque esse lado onde estou agora se chamava Buda e, do outro lado do Rio Danúbio, se chamava Peste. As cidades se juntaram.

O primeiro local no qual fomos comer hambúrguer estava lotado. Chegamos lá e falamos que queríamos uma mesa para duas pessoas, mas o cara falou que isso só seria possível com reserva. Então, não pudemos sentar e comer lá.

Dois gatilhos foram acionados: o da prova social e da escassez.  Quando alguém fala que não podemos ter algo, os nossos cérebros desejam aquilo mais ainda. Isso sempre funciona, por mais que eu saiba que isso esteja acontecendo. Quando a pessoa me recusou e disse que sem reserva não teria como, isso me fez querer mais aquilo. Isso acontece bastante.

Fomos no outro restaurante, que ficava num lugar mais comercial no centro. Lá, não tinha ninguém. Isso causa uma péssima impressão. Por mais que esse restaurante tivesse muito mais reviews, como não tinha ninguém no restaurante em si, a impressão causada foi péssima.

Parece que isso causa um curto-circuito no cérebro. Eu sabia que o restaurante tinha muitos reviews “bons”. Mas, se não tinha ninguém no restaurante, como ele poderia ser tão bom?

Depois, eu vi que o restaurante era mais visitado no período comercial durante o dia, e não durante à noite quando nós fomos. Durante a noite o outro restaurante tinha mais gente por ser uma área residencial onde as pessoas já tinham saído do trabalho e voltado para casa.

Esses dois gatilhos são muito fortes: escassez e prova social. O primeiro foi acionado quando não pudemos entrar por não termos reserva (o que dava vontade de entrar). E o segundo gatilho causou uma confusão mental, pois, mesmo sabendo que o restaurante tinha bastante recomendações, não tinha ninguém lá. Não tinha uma prova social mostrando que aquele era um lugar confiável.

Gostamos de ver o que os outros já fizeram para seguir os passos, apesar de isso poder acabar nos levando para um caminho errado. Costumamos falar que a maioria está errada. Se ficamos o tempo todo fazendo como a maioria faz, provavelmente não conseguiremos resultados diferentes. Se quisermos resultados diferentes, temos que fazer o que poucas pessoas fazem.

Enfim, queria falar sobre esses dois gatilhos sociais muito importantes para o marketing. Vou descer aqui para voltar para Peste, que fica do outro lado. Se você gostou, dê um joinha clicando no botão aqui abaixo para receber uma notificação dos próximos vídeos que eu postar.

Também visite o site FeriasSemFim.com. É o site oficial do meu projeto. Lá eu mostro mais como eu trabalho com um negócio online, de onde e quando eu quero – em Buda ou Peste.

Vou ficando por aqui. Um grande abraço e até mais.

Seja generoso - compartilhe:Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on LinkedInShare on Google+