Quer Ganhar Mais? Então Erre Mais e Mais Rápido

“Não posso errar agora!”

Isso é uma coisa que todo mundo já pensou uma vez na vida.

Esse medo do fracasso é algo que sempre achamos ruim, que seremos julgados e tudo o mais… mas será que é tão ruim assim?

Como diz aquele velho ditado: “Errar faz parte”.

A questão é como abordamos os erros e entender que, muitas veze, o fracasso vem antes do sucesso.

E que a solução para chegar no resultado esperado é errando e errando rápido!

Porque só assim você consegue analisar o que foi feito e decidir que caminho tomar, se tem algo que pode melhorar e ir ajustando.

Entenda que se você não está tendo sucesso hoje, provavelmente é o seu medo de errar que esteja te segurando.

Errar é aprender e faz parte do processo.

Hoje te dou umas dicas de como encarar isso e colocar de uma vez na sua vida que fracasso não é o fim.

Você pode também escutar esse vídeo no Podcast oficial do Empreendedor Digital:

Lembre-se de assinar agora o canal para não perder nenhum vídeo com dicas e sacadas de marketing e empreendedorismo digital.

Quer Ganhar Mais? Então Erre Mais e Mais Rápido

Opa! Bruno Picinini por aqui. No vídeo de hoje quero te explicar um conceito que eu espero que você adote na sua filosofia de vida. Se chama “o fracasso acelerado”.

“Meu Deu, Bruno, como assim? Fracasso acelerado? Por que não o sucesso acelerado?” Eu sei. Parece estranho, mas você já vai entender.

Na hora de trabalhar com marketing e empreendedorismo digital, se você não adotar esse conceito como filosofia… Você pode até pode ter resultados, mas vai sofrer muito mais por isso. Vou explicar exatamente o que é e você vai entender o que quero dizer.

Quando a gente trabalha como empreendedor criando campanhas de marketing online, offline ou como for, vamos ter riscos. Vão ter campanhas – provavelmente boa parte delas – nas quais você vai errar.

Você vai tentar um produto novo, um anúncio novo, uma campanha nova no Facebook e não vão dar certo. Se você se desesperar toda vez por conta disso, achar que estar tudo errado, você vai sofrer muito. Você vai criar um bloqueio mental que vai impedir que você faça mais testes mais rapidamente para descobrir um caminho melhor e campanhas que poderiam realmente funcionar.

Qual é a melhor maneira? Você tem que entender que mesmo os melhores do mundo em copywriting, em marketing, em anúncios… Erram e erram para caramba. Tem um ditado que diz que o mestre já errou muito mais do que o principiante, porque ele entende que isso faz parte do aprendizado.

Se você ficar com esse medo de errar, você vai automaticamente criar esse bloqueio para você e isso não vai permitir que você teste o suficiente. Por isso essa ideia de fracasso acelerado.

Quanto antes você errar, fazer os testes, os fracassos de campanhas, produtos e ideias que vão falhar… Não interessa o motivo. Você vai acertar o seu caminho até acertar aquele que realmente funciona.

Não estou falando para você se jogar de cabeça e só errar porque “o Bruno ensinou o fracasso acelerado”. Não! Tem um meio termo.

Entenda que “fracassar” é mais do que normal. O segredo é fazer com que esses erros custem e doam o mínimo possível.

“Tive uma ideia de um produto sensacional.” Em vez de criar um produto gigante, super complicado e passar três anos criando um produto, tente ver, primeiramente, se existe o interesse para aquilo.

De repente um artigo sobre o assunto… Um eBook sobre o assunto… Alguma coisa menor só para estudar a reação do mercado. Isso já começa, de uma certa maneira, a amortizar seu perigo.

Você começa já a proteger seu investimento de tempo e dinheiro. O de tempo é até mais importante. Assim você testa umas 10 ou 20 ideias para ver qual que faz sentido.

Não é para testar 10 ou 20 ideias completamente desconexas, fazendo qualquer coisa só porque você tem que testar. Não. São 10 ou 20 tiros calibrados. No alvo certo. Tentando alguma ideia que faça sentido.

“Eu vou fazer esse teste porque acredito que X, Y e Z. Por isso, acho que vou ter o resultado H.” Aí depois você vai medir. Deu ou não deu o resultado esperado? Por que?

A principal pergunta é: quais são as lições que posso tirar desse teste que tentei fazer e não deu certo?

Por isso a importância do fracasso acelerado. Tente ideias de maneira barata e rápida para ver o que cola. Vai ser quase impossível acertar de primeira.

Eu vejo muitos alunos cometendo esse erro no Férias Sem Fim. Eles acham que vão fazer de primeira e vão acertar. Eles até cometem o erro de trabalhar demais num primeiro produto achando que aquilo vai funcionar.

Você ainda tem que aprender muita coisa. Provavelmente não dará certo ou não tão certo quando você esperava.

“Fiz todo aquele trabalho e deu 5 vendas.” Isso decepciona muito. “Vou ter que ter de novo todo aquele trabalho para ter mais 3 vendas?”

Por isso que, em todas as fazes, você precisa adotar um conceito de fracasso acelerado. Teste mais rapidamente ideias porque quando uma colar pelo menos você terá a motivação e aquela vontade de fazer mais, porque já é comprovado que tem futuro ali.

Você pode investir mais dinheiro e tempo porque já é um caminho comprovado e não uma ideia nova que você vai testar e em 5 minutos você descobre que errou completamente (e isso acontece).

Não é fácil. É por isso que tem que se testar rapidamente e adotar essa ideia do conceito do fracasso acelerado.

Esse era o mindset que eu queria passar para você hoje. Espero que você o adote em seus negócios.

Se você precisar de alguma ajuda e quer saber o caminho certo e comprovado para dar esses tiros certeiros, eu recomendo que você visite o FeriasSemFim.com. Lá tem uma aula gratuita da qual você pode participar e aprender mais com estudos de caso. Você pode criar seu negócio online partindo do zero.

Essa era a dica que eu queria passar para você hoje. Você pode clicar no joinha se gostou do vídeo. Também clique no botão para se inscrever no canal e receber uma notificação de todos os próximos vídeos que eu postar.

Quaisquer dúvidas, comentários sobre o tempo, futebol ou o que for… Você podei deixar no comentário logo abaixo que logo mais apareço par a gente conversar. Beleza?

Vou ficando por aqui. Um grande abraço e até mais.

Seja generoso - compartilhe:Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on LinkedInShare on Google+