Por Que Começar Um Novo Negócio Em Um Mercado Difícil

Criar um negócio online de sucesso é o sonho de qualquer um que deseja ter mais liberdade de tempo e dinheiro.

Melhor que isso, só tendo um novo negócio fácil e lucrativo!

Atraente não?

Você faz o mais fácil e lucra alto.

Sabe, a gente sempre tenta ir pelo caminho mais fácil…

Mas as vezes é melhor ir pelo difícil mesmo.

Entenda por que.

Você pode também escutar esse vídeo no Podcast oficial do Empreendedor Digital:

Lembre-se de assinar agora o canal para não perder nenhum vídeo com dicas e sacadas de marketing e empreendedorismo digital.

Por Que Começar Um Novo Negócio Em Um Mercado Difícil

Opa! Bruno Picinini por aqui. E no episódio de hoje eu quero sugerir para você começar um negócio difícil… Ou num ambiente, ou num mercado difícil.

Por que isso? Por que estaria eu, Bruno Picinini, sugerindo para você começar um negócio da maneira mais difícil possível em vez de optar por uma opção mais fácil, algo que dê resultado mais rápido, mágico e sem esforço?

A resposta já está um pouco exatamente nessa frase que eu acabei de falar.

Pense assim. Uma coisa óbvia e fácil de se analisar. Se um negócio, para começar, tudo o que você precisa é criar um cadastro num site e sair anunciando produtos, quanta competição você acha que vai encontrar? Muita ou pouca?

Você acha que vai ter muita gente tentando fazer o mesmo ou poucas pessoas tentando fazer o mesmo?

Agora inverta o jogo. Inverta a moeda. Vamos olhar pelo outro lado. Se você vai num mercado que é bem difícil de entrar e começar. Você acha que vai ter muita ou pouca competição? Pois é.

Isso fica óbvio. É claro que outros fatores entram em questão, mas eu vejo muita gente que de tanta preguiça… De tanta mania de ficar procurando um atalho, um botão mágico, passa a vida inteira procurando esse tal botão mágico em vez de simplesmente sentar e fazer o que tem que ser feito.

Então, na próxima vez que você tiver uma boa ideia de algum produto, algum mercado ou algo que você possa fazer… E você simplesmente achar, “não vou fazer porque isso é muito difícil”, pense o contrário!

Por ser difícil, automaticamente já está eliminando muita gente preguiçosa que não vai fazer. Isso já protege você e sua ideia.

Se você faz algo que é muito fácil de ser copiado, replicado ou até de entrar nesse mercado, por mais que você acerte a mão e crie algo bom, é muito fácil alguém vir e “roubar” as suas coisas, as suas ideias, replicar e fazer o mesmo.

Enquanto que se você fizer algo que é difícil de começar, você vai estar mais protegido.

É claro que você tem que sempre considerar. “Então agora vou criar uma empresa de pesca aquática no Alasca, para pescar aqueles caranguejos enormes.” Me veio essa ideia na cabeça porque estava passando no Discovery Channel os trabalhos mais perigosos do mundo. Tem uns caras lá no Alasca pescando… Não sei é caranguejo, lagosta ou o que que é.

Isso é bem difícil de começar! Começar uma empresa para começar a produzir celular… Não é fácil! Vai ter uma barreira muito grande. Isso deve ser levado também em consideração.

Mas é um jogo. Não vá só pelo mais fácil todas as vezes. Porque esse mais fácil tem boas chances de estar lotado, cheio de competição. Você não estará nada protegido por mais que você faça um bom trabalho.

Se a gente for analisar muito do que eu trabalho aqui do canal e trabalho no Férias Sem Fim, são com infoprodutos. Esses por natureza, não são tão difíceis de fazer. Criar um eBook não é difícil. Criar um bom conteúdo sobre determinados assuntos é difícil.

Conseguir provas, conseguir resultados. Isso que é o difícil. Mas o eBook em si é só abrir um Google Docs, escrever e gerar um PDF.

Criar um vídeo eu estou fazendo aqui no meu celular. Botei num tripé e estou gravando. Isso é fácil. A parte da execução.

O difícil é em alguns mercados ter resultado, ter pessoas, criar uma boa oferta, achar aquele público específico para que chegue interessados e possíveis compradores da sua oferta. Essa parte é muitas vezes difícil.

Muita gente, quando olha para essa parte, já desiste. “Muito difícil. Não vou fazer.” Beleza, vai passar o resto da vida procurando uma solução fácil e, mesmo que consiga, outras pessoas vão fazer muito mais rapidamente e vão roubar seus resultados. Não vai durar nada.

Cuidado com essa tentativa de o tempo inteiro buscar a solução fácil, porque ela pode estar te enganando e tornando as coisas muito mais difíceis no final.

Às vezes vale mais a pena, se você teve uma boa ideia, testar, por mais difícil que ela pareça, e vê o que acontece para tentar fazer ela funcionar.

Garanto. 90% das pessoas não vão nem se dar o trabalho de se quer colocar a ideia no papel. Elas vão simplesmente passar o resto da vida procurando a tal solução mágica.

Essa era a dica/conselho que eu queria passar para você hoje. Além de assistir o programa do Discovery Channel sobre os trabalhos mais difíceis do mundo, para ver como é fácil – comparado a eles – criar um negócio online.

Se você gostou do vídeo, pode clicar no joinha. Pode também clicar no botão para assinar o canal que está aqui ou logo abaixo do vídeo. Clique no sino logo ao lado (sempre esqueço de avisar isso) para que você receba uma notificação de todos os próximos vídeos que eu postar.

Por último, caso você necessite uma ajuda para criar seu negócio online, com um treinamento com uma comunidade exclusiva e fechada, recomendo que você visite FeriasSemFim.com. Vai ter o link logo abaixo para você clicar. Ou digite no seu navegador FeriasSemFim.com.

Um parêntese antes de fechar o vídeo. Muita gente se quer ir no site FeriasSemFim.com abre o Google primeiramente, digita FeriasSemFim.com e depois clica no link? É engraçado porque é um passo a mais que não é necessário. Mas é para você ver como as pessoas estão tão acostumadas a ir direto para o Google para pesquisar.

Como você quiser. Se quiser digitar diretamente no navegador ou no Google FeriasSemFim.com. Lá você pode se cadastrar para esta aula. Beleza?

Vou ficando por aqui. Um grande abraço. Até mais.

Seja generoso - compartilhe:Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on LinkedInShare on Google+