Você Nunca Vai Conseguir Ganhar Dinheiro Na Internet — E Eu Vou Provar Agora

Criar um negócio online nunca vai funcionar pra você. E eu vou provar pra você agora.

Para isso vamos fazer o seguinte: veja a lista abaixo. Veja se você se encaixa em algum dos itens. Se sim, então más notícias. Você não pode ter um negócio online.

Não vale a pena nem tentar.

Vamos lá:

  • Você é muito baixo;
  • Você é muito alto;
  • Você é muito tímido;
  • Você tem dificuldade com computadores;
  • Você tem um emprego que ocupa todo seu tempo;
  • Você tem 1 ou mais filhos que exigem sua atenção;
  • Você tem 1 (ou mais) esposo(a) que exige(m) sua atenção;
  • Você não sabe gravar vídeos;
  • Você não sabe escrever bem;
  • Você não sabe o que vender;
  • Você é formado;
  • Você não é formado;
  • Você é muito novo;
  • Você é muito velho;
  • Você está entre novo e velho;
  • Você nem nasceu ainda;
  • Você não sabe por onde começar;
  • Você sabe o que fazer, mas procrastina.

Assim está bom. Só pra gente começar mesmo.

E aí… se encaixou em alguma delas?

É como falei antes. Se você se identificou com alguma delas, então é melhor você desistir agora. Desistir dessa ideia maluca de se criar um negócio online.

Com absoluta certeza é fisicamente impossível para você criar um negócio online.

E Agora Vamos Falar Sério

Espero que você tenha percebido que isso era só uma brincadeira. Ou ao menos até um certo ponto.

Sabe o que era essa lista? Talvez surpreenda você. Não é uma lista que eu inventei do nada não.

Essa é uma lista das inúmeras dúvidas, objeções e motivos do porque as pessoas acreditam que simplesmente não vai funcionar para elas. E eu mal arranhei a superfície. De onde essas vieram há tantas outras!

O que me irrita um pouco.

E por isso esse desabafo. E junto uma lição.

Isso porque os 3 maiores obstáculos de qualquer venda são:

  • Primeiro, a pessoa acreditar que o seu produto/oferta é realmente bom e pode ajudar ela;
  • Segundo, a pessoa acreditar em você e em sua empresa;

E o 3 é disparadamente o mais difícil:

  • Terceiro, conseguir fazer com que a pessoa acredite que ela também pode fazer tudo aquilo.

Demorei alguns bons anos pra aprender isso. Mas que diferença fez. E mais:

É realmente incrível como as pessoas se auto-eliminam de qualquer coisa. Eu tenho que falar muita coisa cheio de dedos. Porque senão a pessoa já pensa algo como:

“Ahhh… Tá vendo… Eu sabia… Isso não é pra mim… Porque eu tenho/não tenho/sou/não sou/faço/não faço/nasci/penso (insira o que você quiser aqui)…”

É realmente grave. E triste.

Vamos resolver isso.

A Verdade

A verdade é simples:

Você pode.

Ponto.

Fim. The end. La fin. El fin. Das Ende. Zé finito.

“O que eu posso?”

O que você bem entender.

Criar um negócio online. Casar. Ser famoso. Perder peso. Ganhar dinheiro. Viajar o mundo. Correr uma maratona. Pular de paraquedas. Mergulhar. Ter uma Ferrari. Viver em uma mansão. Jantar em um restaurante estupidamente caro. Ser reconhecido. Ir no Jô dar entrevista.

Não digo que é fácil. Mas todos são possíveis. E pra tornar tudo isso possível, você só precisa de 5 segundos. Sim… 5 segundos.

Porque é em 5 segundos que você decide o que você quer.

Daí em diante é tudo uma questão de tempo. Como falo para meus clientes: “Não é uma questão de ‘se‘ vai acontecer… É uma questão de ‘quando‘.”

Uma famosa citação vem em mente:

voce-pode

“Se você acredita que você pode ou não, você está certo.”
– Henry Ford

Ou seja:

Se você acredita que pode, então você está certo: você pode mesmo.

Se você acredita que não pode, então você também está certo: você não pode mesmo.

A verdade é que todos podem fazer o que bem quiserem. Seja qual for o objetivo.

Claro que alguns objetivos podem estar bem distantes. E talvez você nem tenha ideia como chegar lá… ao menos agora. Mas pode ter certeza: você pode. Só tem um problema.

Eu tenho certeza absoluta que mesmo depois de ler isso, muitos ainda vão pensar:

“Sim… É verdade Bruno… Eu tenho certeza que todo mundo pode conseguir fazer o que bem quiser dessa vida… Mas a minha situação é realmente única e diferente. E é por isso que pra mim não dá…”

Espero que esse não seja você.

Vamos por partes:

  • Sim, você é único e diferente. Assim como cada um de nós. Com suas habilidades e suas dificuldades;
  • Mas sua situação não é tão absurdamente única que pra você simplesmente não funciona.

Se você me disser que você não tem um braço, somente 2 dedos da outra mão, cordas vocais destruídas, visão de somente 10% do que tinha antes, a internet não chega na sua casa, seu laptop falta metade das teclas, seu monitor só mostra 15% da tela…

Se você me explicar que essa a sua situação, bom, então a verdade é que…

Você ainda assim está mentindo e pode sim!

E provo de novo: de alguma maneira você conseguiu me comunicar que têm todos esses problemas!

Se você conseguiu passar essa mensagem — relatando tudo que há de errado na sua vida — então você já tem tudo o que você precisa pra fazer o que você quiser!

Conquistar o que você bem desejar.

Sem Desculpas, Por Favor

Espero que você tenha captado a mensagem principal de hoje.

Esse artigo é tanto pra você como para mim.

Pra você pra de repente você monitorar se você não está se enganando com algo.

Pra mim como desabafo. Porque as vezes me incomoda isso.

Realmente me dói ver tantas pessoas assim. Pessoas que, por um motivo ou outro, não conseguem acreditar que são capazes de fazer o que bem entenderem.

Seria culpa da educação?

Do país?

Da família?

A verdade?

Não interessa.

Não interessa absolutamente nada.

O que aconteceu ou deixou de acontecer já foi.

O que interessa é o que você vai fazer de agora em diante.

E isso está totalmente sobre seu controle.

Não é sorte. Não é QI. Não é acaso. Não é destino.

São escolhas.

Isso que são.

E você agora tem uma escolha pra fazer. Uma que você não pode evitar. Não escolher já é uma escolha em si.

Qual caminho você vai querer seguir:

  1. Continuar achando desculpas e motivos do porque algo não funciona e nem vai funcionar pra você; Ou…
  2. Entender que tudo isso é nada mais nada menos que peças que essa pecinha chamada cérebro prega em você?

Você realmente pode fazer o que você bem entender. E adianto:

Você não precisa saber agora como você vai fazer o que você quer fazer. Seja o que for.

Mas só de saber e gravar em sua mente que você pode, já irá fazer toda diferença.

Você Agora Enxerga Com Outros Olhos

Você agora enxerga desafios ao invés de problemas

Você agora enxerga oportunidades ao invés de riscos

Você agora enxerga aprendizado ao invés de derrotas e erros

Faz TODA a diferença.

Sem ter essa base por trás, o resto não adianta nada.

Não adianta ter as melhores ferramentas, conhecimentos, conselhos, táticas e estratégias… Tudo vai cair antes mesmo de começar.

Falo disso aqui porque semana que vem eu estarei abrindo uma nova leva de inscrições para o Férias Sem Fim. Talvez você tenha visto eu mencionando nos e-mails.

Quando isso acontece, gosto de re-avaliar o que aconteceu nas últimas turmas.

Algo que mudei por exemplo é que agora não são todos que podem participar. Há um formulário de aplicação antes de começar. Para ver se você encaixa com o grupo e comunidade.

O motivo? Muito vem disso que falo hoje pra você aqui.

Isso porque algumas vezes me doía. Doía passar todas informações e ferramentas… e a pessoa simplesmente esbarrar no mindset.

Mindset não é tudo. Mas sem ele o resto vira nada.

Por isso esse artigo.

Se você quiser semana que vem aplicar para uma das vagas do Férias Sem Fim, ótimo. Teremos o maior prazer de receber sua aplicação.

Precisamos realmente de pessoas comprometidas como você. Sem medo de arregaçar as mangas e lutar. Lutar por mais liberdade e qualidade de vida.

Se não quiser participar não tem problema também.

Fico feliz se tirar proveito desse texto.

Escrevo esse artigo porque acho que pode ajudar quem estiver lendo. Algo que eu gostaria que alguém tivesse me dito quando comecei. As coisas com certeza teriam acontecido muito mais rápido. Afinal:

O que você faria se você soubesse com absoluta certeza que você não pode falhar? Que o que você decidir que você quer se tornará uma realidade?

Eu falo do Férias Sem Fim aqui porque é meu trabalho. É onde posso fazer ainda mais diferença na vida das pessoas. É realmente parte da minha missão de vida.

Seja pelo conteúdo em si ou pela comunidade que temos agora (que por sinal está ficando pra lá de bacana).

Caso você queira conhecer e participar dela, vou mandar mais informações pro seu e-mail que mandei esse artigo.

Se você não está cadastrado, você pode se inscrever na lista de espera aqui. Aí envio todas informações ali na hora certa.

Por hoje fico por aqui.

Espero que esse artigo tenha ajudado você de alguma forma. Com certeza era algo que eu queria ter lido há uns bons belos anos atrás.

Pra finalizar deixo uma pergunta que o seu Anthony Robbins costuma fazer:

Quantas chances você daria para um bebê aprender a andar?

E aí… quantas?

Como quantas… Não tem quantas… Ele iria tentar até que ele aprendesse a andar!

Bingo.

E aí vem a segunda pergunta:

Quanto sua vida mudaria se você tomasse a mesma atitude pra tudo que você realmente quer nessa vida?

Eu acredito que muito.

E se você quiser uma ajuda extra para isso, então o Férias Sem Fim pode se encaixar perfeitamente aí. Tanto eu como seus futuros colegas podem apoiar e apontar na melhor direção quando você estiver em dúvida.

Agora se achar que não é pra você, sem problemas também. Não vou ficar aqui pressionando dizendo o que você deve ou não fazer desse ponto em diante. Ou fez sentido pra você… ou não fez. Simples assim.

O importante é ter a mentalidade certa. O resto, bem, o próprio nome já diz: é o resto.

Um grande abraço!
-Bruno Picinini

PS: participe da conversa deixando seu comentário abaixo.

Se possível também compartilhe esse artigo no Facebook. Ou com algum amigo seu que você acha que tiraria proveito do que foi dito aqui 🙂

Seja generoso - compartilhe:Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on LinkedInShare on Google+