Como Tornar Sua Oferta Irresistível Com Essa Simples Dica

Vender mais produtos ou serviços é o desejo de qualquer empreendedor, mas como você faz isso?

Enviando mais tráfego pro seu site? É uma solução, mas existe outra área onde você deve focar seus esforços…

Sua oferta!

Aprender a como estruturar uma oferta irresistível pode ser o ponto de maior alavancagem do seu negócio.

Tudo o que você precisa é uma caneta e um papel.

Aprenda esse simples exercício que vai dar muito mais força nas suas ofertas.

Aplique… e depois me diga como foi!

Você pode também escutar esse vídeo no Podcast oficial do Empreendedor Digital:

Lembre-se de assinar agora o canal para não perder nenhum vídeo com dicas e sacadas de marketing e empreendedorismo digital.

Como Tornar Sua Oferta Irresistível Com Essa Simples Dica

Opa! Bruno Picinini por aqui. Hoje é uma dica mais específica de copywriting. Uma dica mais específica para ofertas e conversões, para te ajudar a vender mais na internet. Na verdade não é só para internet, mas como o canal se especializa em negócios online, será mais focado para isso.

Na hora de construir sua oferta, seu email, seu artigo… Quando você estiver falando do seu trabalho, do seu produto ou o que você quer oferecer para as pessoas, muitos cometem um erro de achar que colocar 36 vídeos de 72 minutos é algo bom.

“Você receberá 1.500 minutos de treinamento.” O que eu menos quero – como seu possível cliente – são minutos de aula para chegar ao meu resultado. O que eu quero é o resultado em si, e não o conteúdo.

Por isso costumamos falar que o seu produto (e o meu produto) está no caminho das pessoas. Entre onde eu estou e o resultado no qual quero chegar está o seu produto. Eu tenho que passar por ele até chegar ao resultado no qual quero.

Não é à toa que pílulas mágicas… “Tome uma pílula e acorde magro”, “Aperte o botão e ganhe dinheiro online”… Não é à toa que esse tipo de oferta tem um grau de conversão maior. É óbvio que a pílula mágica e o botão mágico não existem.

Vamos fazer um exercício para explicar melhor. Pense que se existisse uma pílula, um botão mágico, uma palavra, um estalar de dedos mágico e a pessoa tivesse instantaneamente o resultado que você quer que ela tenha, como que ela seria?

Baseado nesse produto ideal, quanto você consegue entregar isso? “Eu não consigo um botão mágico, mas posso, de repente, dar um plug-in para ajudar a pessoa.” “Posso oferecer um pacote completo com receitas prontas.”

Você começa a tornar mais instantâneo o que você oferece. Quanto mais perto você chega desse resultado, quanto menos a pessoa precisar trabalhar para ter aquilo que al quer, melhor.

Por isso que falar que você tem 726 vídeos no seu curso não vale a pena. Tem gente que deveria saber melhor, mas fala algumas besteiras porque não entendem como marketing funciona e provam quando falam isso.

“Como assim vai cobrar 5, 10 ou 20 mil reais por um curso em vídeo, por um curso em texto ou por um livro?” Não interessa se é um livro, um vídeo ou o que for. O que interessa é o resultado que a gente entrega. Se num pedaço de papel eu tivesse os números comprovados da Mega-Sena para você ganhar e ir sacar o dinheiro, quanto que valeria esse papel?

Não é o papel que está definindo o valor do preço. O que ele vai entregar como resultado que define. É isso que vai definir o valor que você pode cobrar.

Para que você tenha isso mais claro na hora de criar sua oferta, a gente faz um exercício. A gente diferencia características, benefícios, benefícios dimensionalizados e benefícios emocionais para cada ponto do seu projeto.

Se você quiser, pode até fazer essas quatro colunas. É um exercício muito bom para se fazer e realmente entender o que você entrega de valor de verdade.

Vamos usar esse exemplo para fazer esses quatro. Qual é a característica do seu produto, que é o número da Mega-Sena num papel? É um papel com os números. Essa é a característica do seu produto.

Se você tentar vender isso, não vai muito longe. Quem tem interesse em comprar um papel? A não ser que seja um papel especial de uma antiga dinastia chinesa, de colecionador. Viu como comecei a dar coisas a mais além da simples característica do papel? É a mesma ideia.

O papel é a característica. Qual é o benefício desse papel? Você vai ganhar na Mega-Sena. Você vai ficar rico. Você ganhar na Mega-Sena é o benefício.

O que é o benefício dimensionalizado? A partir do benefício, que é ganhar na Mega-Sena… O que isso significa em termos práticos na minha vida? Você ficará rico, as pessoas vão querer falar mais com você, você vai atrair mais atenção, você pode viajar para qualquer lugar no mundo, você pode comer fora todos os dias, você pode comer nos restaurantes mais caros, pode ficar nos hotéis mais caros… E tantos outros benefícios tangíveis e intangíveis que vêm relacionado ao fato de você ter ganho na Mega-Sena. Essa foi a terceira coluna.

Característica: papel com números. Benefício: ganhar na Mega-Sena. Benefício dimensionalizado: como isso me faz sentir? Como as pessoas vão me ver? O que isso representa? Quais as frustrações e medos que isso irá resolver? O que vou ganhar de valor monetário, de reconhecimento?

Por último a gente vai para a quarta coluna que são os benefícios emocionais. O fato de eu ter um papel que me ajuda a ficar rico e que vai com isso me permitir viajar o mundo e ficar nos melhores hotéis ou ter o carro que sempre quis… Talvez o benefício emocional é que eu terei reconhecimento das outras pessoas.

“Aquele cara que passou a vida inteira rindo de mim hoje está me pedindo dinheiro. Bem feito! Era o que eu esperava.” Isso é um benefício emocional. Não vou julgar se está certo ou errado, mas isso acontece. É o nosso trabalho reconhecer o que é valor para uma pessoa e usar isso no nosso produto. Não é simplesmente manipular, mas sim porque realmente podemos entregar.

Outro benefício emocional é resolver seus problemas financeiros. Está atolado em dívidas? Agora não está mais. Você conseguirá finalmente ter uma boa noite de sono. Você poderá dormir sem acordar suando e pensando: “Será que amanhã eu perco tudo? Será que amanhã vão me expulsar do meu apartamento? Será que amanhã eu não consigo colocar comida na mesa?”

Esses são benefícios emocionais. Repare como cada uma dessas colunas tem sua função. A característica é o pior. Tem o lugar para ela. Se você vende um produto físico, e ele for feito de titânio… Isso é só a característica. Você tem que traduzir isso para um benefício direto para a pessoa.

Qual é o benefício que ela ganhará? Qual é o benefício dimensionalizado? É de titânio, ou seja, não quebra. O benefício dimensionalizado, a bicicleta de titânio não vai quebrar no meio de um caminho de cinco horas e te deixará preso no meio da montanha.

O benefício emocional é conseguir sua conquista, reconhecimento… Estou exagerando. Não são os melhores exemplos. São só para você entender e fazer esse exercício, que vale muito a pena.

Pegue seu produto e oferta, crie essas quatro colunas e comece a listar todas as características, tudo o que seu produto faz, entrega e promete. Disso você traduz para benefícios, benefício dimensionalizado e benefício emocional.

Com isso a sua copy… O que você escrever de artigo, vídeo, email, o que for… Com o objetivo de persuadir as pessoas de que seu produto vale a pena e vai ajuda-las… Vai ter um grau de alcance, conversão e persuasão muito maior, porque você está indo a fundo no que seu produto entrega. Não são simplesmente características superficiais.

Essa era a dica específica de copywriting. Gosto sempre de variar. Tem hora que falo de desenvolvimento pessoal, depois de produtividade, depois mais metafísico, depois mais específico, mais prático, viagens…

Isso é algo para lá de importante, porque ensina como criar uma oferta melhor.

Se você gostou desse vídeo, pode clicar no joinha. Também clique no botão para assinar o canal e no sino logo ao lado para receber uma notificação de todos os próximos vídeos que eu postar.

Por último, se você quiser mais dicas e uma ajuda para criar seu negócio online do zero, eu recomendo que você visite FeriasSemFim.com. Lá tem uma aula online gratuita para você participar.

Vou ficando por aqui. Um grande abraço e até mais.

Seja generoso - compartilhe:Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on LinkedInShare on Google+