OS 4 Hábitos do Sucesso: Como Ter, Obter e Fazer Mais Sucesso Nesse Ano

Como ter mais sucesso nesse ano e nos próximos?

O que fazer pra ter sucesso?

Como ter sucesso nas vendas, profissional e financeiro?

Essas são algumas das perguntas que as pessoas fazem ao comentar e conversar sobre o tema sucesso.

Existiria uma fórmula para o sucesso?

Talvez sim, talvez não.

O que eu posso passar pra você são os 4 hábitos do sucesso.

Eu uso eles todos dias na minha vida e me ajudaram não só eu, mas outras pessoas a também terem sucesso.

Funcionará pra você? Trará o mesmo sucesso pra você?

Só o tempo dirá. Mas uma coisa eu garanto:

Coloque esses hábitos do sucesso em prática e suas chances pro sucesso aumentarão e muito!

Você pode também escutar esse vídeo no Podcast oficial do Empreendedor Digital:

Lembre-se de assinar agora o canal para não perder nenhum vídeo com dicas e sacadas de marketing e empreendedorismo digital.

OS 4 Hábitos do Sucesso: Como Ter, Obter e Fazer Mais Sucesso Nesse Ano

Opa! Bruno Picinini por aqui. E nesse vídeo eu quero passar para você os quatro hábitos do sucesso. Já aviso que eles vão parecer ridiculamente simples – até simples demais – mas vou te fazer uma pergunta. Enquanto eu estiver falando esses quatro hábitos, se pergunte: quantas pessoas você conhece na sua vida que praticam esses quatro hábitos para alcançar o sucesso?

Esses quatro hábitos eu aprendi com um cara chamado Dan Sullivan. Ele é coach de empreendedores de alto nível. Ele pega somente empreendedores com faturamento ou lucro (não lembro bem) de um milhão de dólares para cima. Ele tem um material muito bom para empreendedores. Se você tem interesse na área de empreendedorismo, recomendo o material desse cara.

Foi com ele que eu aprendi esses quatro hábitos. Eles são muito simples, mas muito poderosos. Vamos direto a eles.

O primeiro dos quatro hábitos do sucesso é dizer “obrigado” e “por favor”. Eu já avisei que iria parecer simples. “Que ridículo! Você vai me ensinar no vídeo que eu devo dizer obrigado e por favor?”

Sim! Pense na sua vida… Quantas pessoas simplesmente não fazem isso? Não mostram o mínimo de educação dizendo obrigado e por favor. São as coisas mais simples da vida. É fácil, mas muita gente não faz.

Notei isso muito no Brasil e morando fora. Se eu vou num restaurante, café ou bar… As pessoas fora geralmente vão falar, “Me vê um café, por favor.” “Me vê um pastel, por favor.” “Me vê um brownie, por favor.” “Obrigado.”

Aqui no Brasil é incrível. Meu irmão fez isso numa época. Eu me acostumei tanto, que quando a pessoa não pede por favor quando está no bar, aquilo me dói o ouvido. Não corrijo as pessoas que eu não conheço. Mas muitas pessoas chegam aqui num bar e falam, “Um café preto.” “Expresso.”

Por favor… Obrigado… É simples, mas muita gente não faz. Esse é o primeiro dos hábitos. Vale a pena lembrar o básico, porque o básico que funciona.

Segundo: termine o que você começou. Para tudo na vida! A gente começa um projeto, um produto, uma nova campanha… E não termina. Isso não só para nós, mas também para as outras pessoas.

Termine o que você começou. Não sei se foi o Seabra que inventou, mas foi com ele que eu vi pela primeira vez. Tenha iniciativa, mas “acabativa” também. Termine as coisas. Se você não terminar, a pior coisa que você pode fazer é trabalhar num projeto até 90% e o abandonar.

Você terá perdido um tempão e não terá resultado algum. Era melhor nem ter feito, porque você teria economizado seu tempo e estaria na rua jogando bola. Termine o que você começou. Esse é o segundo hábito.

O terceiro hábito também é simples. Mas avalie na sua vida quantas pessoas fazem isso. Faça o que você disse que iria fazer. Quantas pessoas prometem que vão fazer algo… “Pode deixar que vou entregar”, “Vou fazer isso”… E somem. Não fazem. Não entregam.

Não tem coisa pior. Se você quer ter sucesso na sua vida, quer que as pessoas confiem em você, venham até você, te indiquem… Você tem que fazer isso. Faça o que você disse que iria fazer. Esse é o terceiro hábito.

O quarto e último hábito… Esse me incomoda bastante. Brasileiro tem um problema gravíssimo com isso. Não sei porque. Geralmente é questão de cultura. É algo muito fácil de se notar quando você trata com pessoas de outros lugares: chegue no horário.

Respeite o horário, principalmente das outras pessoas. Se for uma coisa só sua, como chegar atrasado no cinema, por exemplo, o problema é seu. Mas se você quer ter sucesso nos negócios e na vida em geral no longo prazo, respeite os horários dos outros.

Se você não respeita o seu próprio horário assim como você não respeita seu corpo… Não cuidando da sua saúde… Você não pode esperar que as outras pessoas também respeitem.

Eu noto isso muito num relacionamento. Isso eu tenho bem claro com minha namorada e funciona. Se um dos dois não respeitasse horários como nós respeitamos, iria dar problema. Se um fosse fanático por horário e o outro não, é certo que daria briga.

Felizmente, os dois respeitam e muito. Óbvio que às vezes temos problemas e isso pode atrapalhar. Mas, no geral, os dois sabem que horário é horário. Eu respeito muito o horário das outras pessoas.

Se o cara combinou comigo tal hora, geralmente eu serei o primeiro a chegar. Churrasco ou qualquer evento que combinamos… Meu pai faz isso bastante também, então criei essa cultura.

Por ter morado fora… As pessoas respeitam bastante o horário. Quando falam “nove”, é nove e não nove e meia. Então já me acostumo a chegar 15 minutos antes. Aí você faz as coisas com mais calma e vive uma vida mais fácil.

Esses são os quatro hábitos do sucesso. Eles são simples, óbvios, fáceis… Mas quantas pessoas os colocam em prática? Eu conheço várias que simplesmente não colocam tudo isso em prática.

São coisas simples e práticas que ajudam muito, principalmente em longo prazo, mas as pessoas não colocam em prática. Fica a dica. Siga esses quatro hábitos, porque eles valem a pena.

Se você gostou do vídeo, clique no joinha. Você também pode assinar o canal e receber uma notificação de todos os próximos vídeos que eu postar. Se você tiver alguma dúvida, comentário ou sugestão de pauta para os próximos vídeos, você pode deixar nos comentários. Mais cedo ou mais tarde eu acabo dando uma olhada. Eu pego ideias para fazer novos vídeos.

Se você não conhece, recomendo que você visite o FeriasSemFim.com para conhecer um pouco mais sobre meu trabalho.

Vou ficando por aqui. Um grande abraço e até mais.

Seja generoso - compartilhe:Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on LinkedInShare on Google+