Qual É O Melhor Momento Para Buscar Parcerias Para o Seu Negócio

No meio digital sempre se ouve a recomendação de procurar um parceiro de negócios.

Que parcerias são boas para fortalecer e crescer o seu negócio.

Isso não é errado! Ter os parceiros certos do seu lado com certeza é importante.

Mas vale o aviso:

Há a hora CERTA para conseguir uma parceria de sucesso que realmente faça a diferença pra você.

Você pode também escutar esse vídeo no Podcast oficial do Empreendedor Digital:

Lembre-se de assinar agora o canal para não perder nenhum vídeo com dicas e sacadas de marketing e empreendedorismo digital.

Qual É O Melhor Momento Para Buscar Parcerias Para o Seu Negócio

Opa! Bruno Picinini por aqui. No vídeo de hoje quero falar porque, talvez, parcerias na hora de construir um negócio online não sejam a melhor alternativa para você e para muitas pessoas.

Isso é algo que eu aprendi ao longo dos anos. Desde que eu comecei qualquer negócio online muita gente que eu seguia e acompanhava… Principalmente fora do país. Os Estados Unidos é da onde vem a maior parte da informação que eu consumo… Falam da ideia de parcerias para se construir um negócio.

“Você precisa de parcerias. A gente precisa ir junto. A gente precisa ter outras pessoas para nos acompanhar. Isso é verdade até certo ponto. O problema é que… É que nem o conselho do “faça o que você ama”. Se esses ditos conselhos não forem explicados até o final, eles podem mais atrapalhar do que ajudar.

Foi com calma que fui achando algumas pessoas de resultados. Quem não tinha muito resultado falava isso… “Faça parceiras. Comece com parcerias. Busque parcerias.” Como a única maneira para se começar um negócio online e até a melhor maneira para se começar um negócio online.

Depois que comecei a pesquisar e ir atrás de pessoas que nem ensinam tanto… Não são os gurus principais, famosos… Mas que sabem muito, têm empresas multimilionárias de nove, dez dígitos… E o que que esses caras têm a falar… As coisas começaram a mudar um pouco de figura. Deixe eu explicar para você para você entender e tomar uma decisão correta na hora de escolher como crescer seu negócio.

Não significa que você não deve buscar parcerias. Eu seria um idiota se eu falasse isso. Óbvio que tem muito potencial. Meu negócio cresceu muito com isso. Vale a pena. Só que tem hora e local certo para buscar tais parcerias. Deixe eu explicar.

Quando você começa um negócio online, se você simplesmente seguir o conselho comece por parcerias… “Crie seu negócio. Busque parceiras para divulgar ele e pronto. Você tem um negócio bombando do zero, do nada.” Beleza. Na teoria soa incrível. O problema é que, na hora da prática, não é tão fácil.

Se você não tem diferencial muito grande logo de início, fica difícil conseguir tais parcerias. Você tem ideias de quantas pessoas vêm para mim… Mandam emails no suporte dizendo que querem uma parceria… Que querem fazer não sei o que… Que querem que eu ajude a divulgar o grande projeto deles… Que eles têm certeza de que vai dar certo… E eles dividem comigo meio a meio… São muitos.

Não tem problema. Eu faço um acordo com você. Não quero nada. Pode ficar 100% para você, só faz funcionar, se a ideia é tão boa assim. Muitos desses vêm com ideias… Estão saindo completamente do zero… Fica difícil conseguir atenção de outros parceiros para promover. Você não tem uma oferta comprovada. Você está saindo completamente do zero. Você não é conhecido no mercado. Você não tem nada que consiga me convencer e provar que vale a pena eu prestar atenção em você e fazer aquilo que vale a pena. No caso eu citei comigo, o que acontece. Mas as pessoas com as quais você entrar em contato vão ter o mesmo pensamento.

Tem que ter um motivo, além do simplesmente “seja um parceiro” do porquê as pessoas vão promover você. O caso já muda… Fazendo duas situações hipotéticas para explicar melhor… Se você é um cara que teve um sucesso enorme em alguma outra área da vida. Vamos supor que o Neymar decidiu criar um negócio online. Não sei porque ele decidiu criar um negócio online, mas ele decidiu. Se o Neymar, por algum motivo, viesse falar comigo… Ou qualquer outra pessoa no marketing digital… Com interesse de fazer uma parceira porque ele tem uma ideia XYZ… Já muda completamente de figura.

Não porque eu acredite que a capacidade dele de segmentar uma lista de emails seja boa. Mas porque ele tem provas de que ele é um cara de sucesso, sabe o que está fazendo. E eu sei que tem potencial em ser parceiro dele. Mas ele trouxe provas, nem que sejam de outro mercado, de que ele sabe o que está fazendo.

Pode ser uma pessoa que teve sucesso no mundo físico em algum lugar, vendendo algum curso presencial com milhares de alunos. E agora querem expandir para o mundo online. Beleza, esse cara eu posso ajudar porque ele já tem provas. Ele já tem resultados que a gente pode só adaptar para o mundo online. Nesses casos, parcerias para você se acoplar e ir junto… E fazer com que 1 mais 1 vire 3, 4 ou 5, em vez de só 2… Fazem muito sentido.

Mas se você está partindo do exato zero, como muitos eu sei que estão… Todo mundo parte do zero. “Para você é fácil. Você já tem lista. Você já é conhecido e fez XYZ.” Como você acha que eu cheguei aqui? Eu tive que começar de algum ponto do zero. Eu abaixei a cabeça e trabalhei. E não foi com parcerias. Quando eu não tinha nada… Para mim não fazia sentido eu sais simplesmente falando com as pessoas: “Me promova! Eu estou aqui no zero, mas me promova! Essa é a estratégia recomendada, não é?”

Eu foquei em primeiro focar por conta própria que eu tenho resultados e tenho algo a agregar. Quando eu fosse buscar parceiras, que não fosse simplesmente um acordo unilateral – mas sim o contrário. Se fosse unilateral, que fosse de mim para eles. Para que eu pudesse chegar para outras pessoas que eu quisesse ganhar a amizade, ganhar a parceria… Ganhar futuros parceiros de negócio que primeiro eu agregasse valor para eles.

“Eu tenho uma lista assim, tenho um site assim. Eu quero fazer X. Você não precisa retribuir. Até sendo honesto, só estou dando o primeiro passo para me inserir no mercado, para abrir portas para o que precisar.” Aí a parte da parceira que faz sentido. “Juntos a gente pode ir muito mais longe.” Isso faz sentido. Tanto que hoje eu tenho diversos parceiros de negócios. A gente se ajuda quando pode. Ainda assim, mesmo hoje tendo esses parceiros, eu não deixo de focar no meu negócio.

Eu garanto com todas as forças que o meu negócio… Eu por cona própria, Bruno… Ele funciona. Parcerias vêm como um bônus. São muito boas. Às vezes são médias. Mas aí faz parte. Se você está começando do absoluto zero, não sai jogando para as pessoas: “Me promova!” Sem agregar nada. Busque antes. Parece até básico, mas muita gente não faz isso. Busque antes provar que sua ideia funciona, provar que sua ideia dá resultado. Ter algo que você possa oferecer em troca para aí sim buscar parcerias e levar seu negócio de um nível para o outro patamar.

Mas, logo de cara, é perigoso. Por que as pessoas vão promover você? Você tem que ter algum motivo, alguma prova, algum resultado, alguma coisa que você possa contribuir para que essa proposta de parceria faça sentido.

Essa era a dica que eu queria passar para você hoje. Se você gostou ou se tem alguma dúvida ou comentário, você pode clicar primeiro no joinha logo abaixo do vídeo. Também clique no botão para assinar o canal e receber uma notificação de todos os próximos vídeos que eu postar. Por último, se você tem dificuldades de criar seu negócio online do zero, eu recomendo que você visite FeriasSemFim.com.

Lá tem uma aula online gratuita que você pode participar para ver um pouco mais dos meus resultados e dos meus alunos. E também saber um pouco mais sobre nossa comunidade exclusiva e fechada para empreendedores digitais. A gente se ajuda porque esse mundo de empreendedorismo digital às vezes pode ser um pouco solitário. Vão ter outras pessoas compartilhando conhecimento e conhecendo outras pessoas bacanas naquele ambiente fechado.

Vou ficando por aqui. Um grande abraço e até mais!

Seja generoso - compartilhe:Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on LinkedInShare on Google+